A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

13/03/2016 16:30

A presença da mulher no agronegócio

Dandara Barcellos de Oliveira e Glaucia Heylmann (*)

No dia 8 de março comemorou-se o Dia Internacional da Mulher, como reconhecimento às suas lutas e conquistas. Nos últimos tempos percebe-se o crescimento da participação feminina no cenário rural, à frente de empresas familiares.

Veja Mais
Tédio é a falta de projeto
Dólar alto: bom ou ruim para o agronegócio?

De maneira cada vez mais representativa, as mulheres têm demonstrado interesse e aptidão para a administração do negócio da família, não bastando conhecer acerca da situação do mesmo, mas desempenhando um papel efetivo na organização e estruturação do patrimônio.

O desenvolvimento do agronegócio, setor menos abalado pela crise financeira do país, despertou nos membros do núcleo familiar uma participação mais ativa nos negócios. As mulheres vêm desempenhando atividades de gestão e organização com intuito de sistematizar e ordenar o trabalho relativo à produção rural. Mais que atividades administrativas, a mulher tem se mostrado protagonista na tomada de decisões, sobretudo nas relativas ao planejamento da sucessão familiar. Isto ocorre, principalmente, porque a figura feminina traz consigo a preocupação com a manutenção da estrutura emocional e financeira da família.

Esse cuidado é essencial para a continuidade do negócio familiar e entre as ferramentas encontradas para esse fim, a melhor é o planejamento sucessório em vida. Através dele é possível garantir a unidade patrimonial e a prevenção de conflitos familiares estabelecendo regras e orientações para a tomada de decisões.

Tédio é a falta de projeto
Recentemente, deparei-me com duas situações. Na primeira, eu almoçava com dois amigos, ambos na faixa dos 55 anos de idade, funcionários públicos bem...
Dólar alto: bom ou ruim para o agronegócio?
Claro, depende da hora e do mercado, exportação ou de mercado interno. Agora, falando da soja, o principal produto da pauta brasileira de exportações...
Marcas lutam diariamente para impactar as pessoas
Segundo pesquisas, temos contato com aproximadamente 2.000 marcas em um dia “comum” e menos de 300 delas ficam em nossa memória. Por isso, essas marc...
A modernização das leis do trabalho: oportunidade, não oportunismo
Crises econômicas em qualquer país do mundo ensejam debates sobre reformas. São nos cenários de recessão prolongada que as nações se defrontam com se...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions