A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

13/09/2013 08:40

Em risco iminente, a única opção é salvar a vida das pessoas de bem

Por Cláudio Souza (*)

Nenhum policial militar sai de sua casa para o trabalho - ou para qualquer atividade social - com a intenção de matar uma pessoa. No entanto, mesmo de folga, é obrigado a agir em defesa dos cidadãos quando estão em perigo iminente. Na contramão de toda essa devoção a segurança pública, estão os oportunistas de plantão e algumas entidades e instituições que só defendem os bandidos que aterrorizam o povo.

Veja Mais
A aviação e suas regras
Lei Orgânica da Assistência Social – 23 anos

Incrível é que os marginais que assaltavam a lotérica, em plena luz do dia e na frente de dezenas de pessoas, agindo com violência contra um funcionário, ainda encontrem proteção de pessoas que ocupam cargo público eletivo. Enquanto isso, o policial militar, que em defesa da sociedade agiu no “Estrito Cumprimento de Dever Legal”, não recebe por parte do representante o reconhecimento legal do Estado.

Na realidade, quem matou os marginais foi o Estado. Podemos elencar uma série de fatores que, de maneira direta, culminaram na morte desses bandidos: o aumento da população, da miséria, a falta de presídios, de políticas públicas para inserção dos jovens no mercado de trabalho e a falta de um ensino público de qualidade. Tudo isso é fruto da incompetência do Estado (Executivo, Legislativo e Judiciário), incapazes de administrar o bem público e proporcionar oportunidades para a população.

Apesar da hipocrisia praticada por parte da imprensa e das comissões de direitos humanos, que só fazem massacrar nossos policiais nessa hora, a maioria da sociedade apoia a corporação. Principalmente quem mora longe do centro da cidade e não tem a mesma atenção do poder público, de quem vive nos bairros nobres.

A maioria da população apoia, mas por quê? Está cansada de violência e de ficar presa em casa, enquanto os bandidos seguem soltos nas ruas. Já as autoridades políticas andam escoltadas, moram em condomínios fechados, e pagam segurança particular para proteger suas famílias.

Não quero, em hipótese alguma, afirmar que ‘bandido bom é bandido morto’. A polícia busca sempre preservar a vida em primeiro lugar. Se não fosse isso, os presídios não estariam superlotados. Mas nesse caso, a bem da sociedade, ‘bandido bom foi bandido morto’. Porque as vidas das pessoas de bem foram preservadas e a justiça foi feita em nome do Estado.

(*) Cláudio Souza, vice-presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiro Militar de Mato Grosso do Sul

A aviação e suas regras
A aviação conseguiu, em menos de um século, aproximar os continentes, as empresas e, principalmente, as pessoas. Foi uma evolução tão rápida que não ...
Lei Orgânica da Assistência Social – 23 anos
Nos últimos anos, a Assistência Social vem construindo uma nova trajetória, organizando-se sob novos padrões e afirmando-se como parte integrante do ...
Morre no trânsito o equivalente a 2 aviões da Lamia lotados por dia
Por dia, no Brasil, morrem em acidentes de trânsito o equivalente a ocupantes de dois aviões da Lamia, que transportava o time inteiro da Chapecoense...
Um galo para Asclepius
Sócrates, o filósofo ateniense, cujos preceitos influenciaram o pensamento ocidental de forma muito marcante e definitiva, tinha uma característica: ...



Parabéns Cláudio
com certeza, nunca vi o Pedro Kemp se manifestar qdo morre um PM, nem que fosse publicando uma nota de pesar a família e a PM. Com certeza o oportunismo do nobre deputado fala mais alto, que sua militâncias nos direitos humanos que só defende cidadãos a margem da lei e portanto são considerados "excluídos.
 
João urbano em 13/09/2013 16:08:37
com certeza, nunca vi o Pedro Kemp se manifestar qdo morre um PM, nem que fosse publicando uma nota de pesar a família e a PM. Com certeza o oportunismo do nobre deputado fala mais alto, que sua militância nos direitos humanos que só defende cidadãos a margem da lei. E que pela lógica tacanha da esquerda" são excluídos.
 
João urbano em 13/09/2013 16:06:33
Apoio total e irrestrito aos policiais do Brasil, verdadeiros heróis anônimos !
E, quando tivermos alguma rebelião penitenciária, sugiro que a polícia cerque o estabelecimento mas não entre... coloque apenas o povo dos "direitos dos manos" (em especial um certo parlamentar...) lá dentro para resolver a crise...
 
claudio fernandes em 13/09/2013 15:01:49
Parabéns Claudio, nunca vi o nobre deputado defensor histórico dos direitos humanos se manifestar qdo vem a falecer um PM em serviço, como aconteceu esses dias com um sgt da PMA, poderia ter divulgado nem que fosse uma nota contra a vilolencia, mas muito bem dito o oportunismo fala mais alto.
 
João Urbano em 13/09/2013 12:43:28
A Polícia não existe para proteger os cidadãos da periferia e menos abastados. Quando foi que uma notória autoridade desta sofreu com a violência? A polícia, com a sua estrutura propositalmente militarizada, existe para proteger o Estado e seus governantes. Não para a sociedade, como pregam as autoridades. Jamais vai faltar uma viatura nas proximidades da casa do Governador, do Prefeito, do presidente da Assembléia... Jamais um Deputado vai precisar da polícia e a viatura demorará 30 minutos para chegar... A sociedade precisa cobrar uma polícia para o povo, e não para os seus governantes. E essa mudança têm que partir de nós. Eles não vão sair do conforto para garantir a nossa segurança...
 
Jorge Moraes em 13/09/2013 10:28:20
Parabéns Cláudio.Também sou PM e casado com outra PM, temos orgulho de nossa profissão e não será pela ineficiência do estado ou pelo descaso das autoridades que administram o bem público que iremos desanimar diante da bandidagem.Nosso lazer?Sempre em casa.Para sair com nossa filha de 4 anos, na cadeirinha, envolta pelas placas de nossos coletes.Vidro fechado 80% filme as armas vão sempre prontas ao emprego, sempre sentamos de frente para a rua e não podemos ir a qualquer local.Ameaças de morte já perdemos as contas, mas não vai ser isso que vai tirar a honra de vestir o azulão e representar o povo sul-mato-grossense.Esperamos mais respeito por parte de nossos parlamentares, principalmente dos que não conhecem nossa realidade.
 
Jorge Pantaneiro em 13/09/2013 10:20:38
Se em cada assalto tivesse um Policial Desse o Mundo nao estava do jeito que esta! Fico grata por você policial que arriscou sua vida para salvar outras vidas! Tenho Certeza que ele nao saio de casa para fazer isso, só fez a sua parte! e o Assaltante com certeza Saio para matar, Roubar e Destruir! Você que acha que o Policial agiu errado imagina sua mae ou seu pai, ou até mesmo seu filho no lugar da quele gerente que só estava trabalhando para ganhar o pao de cada dia! Só Deus para nos Livrar desse Mundo Cruel.
 
Jucilene da Silva Pereira em 13/09/2013 09:38:47
Quero parabenizar ao Claudio Souza pela belissima colocação em relação a morte desses dois meliantes.
Eu gostaria que esse político eleito pelo povo respondesse à sociedade, mas com sinceridade, sem demagogia, sem maquiar a resposta ( é próprio dos políticos ), o que ele faria se estivesse na fila da lotérica ? como agiria? ainda; como se sentiria se fosse um(a) funcionário(a) daquele estabelecimento que teria sido assaltado?
Se ele estivesse presente na cena,estaria no mínimo entendendo o gesto desse cidadão que defendeu sua própria vida e a de todos ali presentes.
Acorda senhores políticos, sai do seu conforto, anda no meio do povão e sente a insegurança pela qual todos nós passamos.
Por certo esses engravatadinho vai andar em nosso meio sim, mas só para pedir votos, acorda povão!!!
 
Nelson correa em 13/09/2013 09:30:59
Fantatisco parabens pelo artigo otimo mesmo....
 
Osmir Marcondes em 13/09/2013 09:25:12
Tenho amigos que trabalham como policiais, e percebo o estresse da profissão deles, a adrenalina que eles sentem em cada execução de suas atividades pelo prezo de suas vidas e da população, são pessoas que trabalham para manter a ordem em um pais que nem sequer tem a ordem devida. Tudo esta em desordem, o certo hoje é o errado, por isso temos administradores do estado com total incompetência, e quando me refiro a administradores, cito todos os poderes, eles olham somente para o seu próprio interesse, sendo que pelo apoio popular foram postos onde estão... eu como cidadão não gostaria de ver pessoas mortas também, mais quando percebo que minha família corre risco devido a incompetência da administração, através de leis, e falta de politica social, de verdade, apoio a atitude do policial.
 
Joao Bezerra da Silva em 13/09/2013 09:09:56
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions