A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

30/10/2016 08:34

Mulheres na política

Por Odilon de Oliveira (*)

O machismo de país em desenvolvimento ainda impera no Brasil, embora a Constituição Federal proclame a igualdade de todos, sem distinção de qualquer espécie. Foi exatamente essa discriminação que levou à edição da Lei n.° 12.034/2009, garantindo à mulher uma cota mínima na vida política. A participação da mulher, como candidata, varia entre 30 e 70% do número total de pretendentes.

Veja Mais
Educação e o futuro da alimentação
Convenções internacionais e competitividade

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral, em 2008, de um total de 330.600 candidatos a vereador, 72.476 eram do sexo feminino, correspondendo a 22%. Foram eleitas 6.504, ou seja, 12,5% do total de vereadores do Brasil. Em 2012, candidataram-se ao cargo de vereador 419.633 pessoas, dentre elas 133.868 mulheres ou 32% do total de candidatos. Foram eleitas 7.648 mulheres (13,3% do total de eleitos).

Dos 715 vereadores eleitos em 2008, nas 26 capitais, apenas 93 (13%) eram mulheres. Em 2012, esse número subiu para 104 mulheres ou 13% do total de 805 vereadores dos dois sexos.

A discriminação contra a mulher ocorre em todos os setores, inclusive no lar. A violência doméstica é crescente. Dos 60.000 assassinatos anuais, no Brasil, 12.000 das vítimas são mulheres, o que corresponde a 33 mortes por dia.

Em 83 países, em 2015, a média de assassinatos de mulheres correspondeu a 2 mortes por grupo de 100.000 mulheres. No Brasil, essa média é de quase 5 vítimas femininas por grupo de 100.000 mulheres. Um absurdo. Em torno de 30% dessas mortes, os assassinos são os maridos ou ex-maridos.

O contingente de mulheres eleitas tem que se equiparar aos homens. Ninguém melhor do que elas para a criação de mecanismos de proteção da família, de onde todos viemos, e da sociedade. Tem que ser uma luta igual.

(*) Odilon de Oliveira é juiz federal

Educação e o futuro da alimentação
Educação deve colaborar na preparação de todos para o pleno exercício da cidadania e, especialmente, formar os jovens para uma vida profissional que ...
Convenções internacionais e competitividade
O Brasil precisa atuar com mais critério na hora de analisar e ratificar convenções multilaterais, especialmente as negociadas no âmbito de entidades...
A Odisseia da Chape
Não tenho dúvidas de que o esporte funciona como uma metáfora da vida. As mazelas e dramas humanos estão presentes em todas as etapas da trajetória d...
Comunicação da qualidade dos alimentos
É importante que as notícias do agro cheguem de maneira correta aos moradores dos grandes centros urbanos. A maioria destes consumidores de alimentos...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions