A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

23/05/2011 13:46

Novos tempos, por Heitor Freire

Por Heitor Freire (*)

Como todos sabemos, estamos vivendo novos tempos: a Era de Aquário.

A história de humanidade se conta por meio de eons. Eons são espaços de tempo de 24.500 anos, que se constituem de doze períodos de, aproximadamente, 2.041 anos e correspondem aos signos zodiacais.

A Era de Aquário – que sucede à de Peixes –, é a que estamos vivendo presentemente. Estamos ingressando nela. E cada nova era representa um conceito predominante, um pensamento, uma consciência específica, que provoca em sua chegada muitas transformações: físicas, mentais e espirituais. Neste momento, o que mais aflora é a predominância da emoção, do sentimento, em detrimento do pensamento. E que representa uma grande evolução.

Já sabemos também que nada acontece por acaso. Assim, todas essas transformações que estão assustando o mundo (tsunamis, terremotos, enchentes, etc.), são parte da evolução que se prenuncia em todos os aspectos de vida do nosso planeta. Estes são apenas os aspectos físicos pelos quais estamos passando.

Além destes, existem também os aspectos mentais e os aspectos espirituais, que não são visíveis. E, portanto, só são percebidos por intermédio do sentimento. Que se aloja no coração de cada um. Daí a percepção de algo que se manifesta por meio de uma sensação de aflição, por algo que não sabemos traduzir, interpretar, mas que nos aperta o coração, que dá um frio na alma.

Em socorro desta tese, valho-me de uma sinopse do livro A Profecia de Orion, escrito por Patrick Geryl, holandês, que recebi do meu irmão maçom Sebastião Branco Rodrigues, do Rio de Janeiro. Esse autor se dedicou ao estudo das previsões que estão por acontecer.

Segundo ele, e as profecias dos maias (povo que viveu na região da América Central e que desapareceu misteriosamente): ocorrerá um grande cataclismo, no dia 21 ou 22 de dezembro de 2012. Nesse dia a configuração astronômica será a mesma que se registrou em 27 de julho de 9792 a.C., quando do desaparecimento de Atlântida, com o deslocamento do eixo da Terra.

Vale considerar também a terceira mensagem de Nossa Senhora de Fátima, revelada há pouco tempo e que prevê, caso não haja mudança da humanidade, a mesma situação catastrófica.

Estes novos tempos representam o momento da prestação de contas. É chegada a hora em que cada um vai ter de se apresentar perante o Tribunal de Deus para o seu julgamento.

Durante muito tempo, cada um foi empurrando com a barriga, deixando para lá, depois a gente vê como fica. Pois bem, esse período acabou. Agora é para valer: toda a humanidade vai passar por essa prestação de contas e pelo julgamento de todos os nossos atos. De acordo com os meus estudos isso acontece ao final de cada ciclo.

Não tem mais adiamento. E não tem advogado que possa defender ninguém. É cada um com a sua consciência, da qual não mais poderá fugir. Na consciência estão registrados todos os nossos atos, pensamentos, palavras, intenções.

E neste momento não há argumentos nem explicações. Há o fato concreto.

Sem sofismas, é o estado carótico, de atar as cardas, ir para as malvas, enfim, os “finalmentes”.

O conhecimento e a consciência desta situação, no entanto, não devem apavorar ninguém. Em primeiro lugar, porque é inevitável. Em segundo, porque sabendo, é possível mudar o resultado final. Parafraseando Chico Xavier, “Não dá para mudar o começo, mas dá para mudar o fim.”

E como se faz isso? Pela mudança de atitude de agora em diante. Pela mudança dos nossos atos, pensamentos e palavras. Agindo de forma consciente, verdadeira, sincera.

Aprimorando de forma argêntea, sensível, inteligente, amorosa e discernível todos os nossos procedimentos.

E estes novos tempos transformarão radicalmente o comportamento das pessoas. O amor e o bem comum vão ser o norte de suas decisões. Vai acabar a infidelidade em todas as suas modalidades. Vai emergir um novo ser.

Outra consequência dos novos tempos é a consciência do que realmente é a chamada morte. Chamada porque até então, a morte era considerada por muitos o fim, como se tudo acabasse com a sua chegada. Não é assim: a morte é apenas uma transição de um estado para outro – do estado encarnado para o estado não encarnado – a vida prossegue num estágio diferente, com a continuidade da manifestação do espírito com a sequência da vida.

Quando a morte ocorre de forma inesperada, causada por acidente, por exemplo, ela provoca de imediato uma reação de perda, revolta, frustração, a sensação de algo que deveria ter sido feito em relação ao falecido e que, de repente, pensa-se que não se poderá mais fazer. Não é bem assim. Todos somos ligados uns aos outros, e a continuidade da relação permanece, sendo, no entanto, retomada em outro plano.

Independentemente da forma como ocorrer, de forma acidental, dramática ou natural, todos nós passaremos por essa situação. Isso é um fato. O outro fato é que cada um vai sempre receber de acordo com o seu merecimento.

Assim, o momento é de grande reflexão, de recolhimento, de meditação, de busca sincera e verdadeira da percepção destes novos tempos.

Aprendamos.

(*) Heitor Freire é corretor de imóveis e advogado.

A aviação e suas regras
A aviação conseguiu, em menos de um século, aproximar os continentes, as empresas e, principalmente, as pessoas. Foi uma evolução tão rápida que não ...
Lei Orgânica da Assistência Social – 23 anos
Nos últimos anos, a Assistência Social vem construindo uma nova trajetória, organizando-se sob novos padrões e afirmando-se como parte integrante do ...
Morre no trânsito o equivalente a 2 aviões da Lamia lotados por dia
Por dia, no Brasil, morrem em acidentes de trânsito o equivalente a ocupantes de dois aviões da Lamia, que transportava o time inteiro da Chapecoense...
Um galo para Asclepius
Sócrates, o filósofo ateniense, cujos preceitos influenciaram o pensamento ocidental de forma muito marcante e definitiva, tinha uma característica: ...



URGENTE LILIAN JORGE
sou orfâ de Pai e Mãe Vivos, fui criada nun orfanato em Apucarana (PR) igual Rithler, depois em internato, depois casa de familia igual animal, tenho auto -Estima baixa. Só conheci a Dona Irene Barbosa Jorge, ano de 2010, deste 5 anos que saí de casa onde ele me m altratava muito. Fiquei Expcional desde 5 anos até 7 anos, mas como fui colocada no orfanato fui tratata na APAE, para voltar meu "normal". meus Pais não me conta o motivo de "Irene Barbosa Jorge" nunca até hoje não aceitar eu como filha. Sou a caçula de "casa"e por fim ela colocou meus irmãos contra a minha pessoa. Tenho i mensa tristeza na vidaq de não ter familia tenho 39 anos, mas sou muito feia, Pobre, Desempregada, será que existe umn Meio no qual eu poderia saber se sou filha do meu Pai? Porque Eles nuncas gostaram de mim?Porque Sou muito... sei lá..... Ajudo muito as Pessoas esperando retorno das pessoas e acabo só me ferrando. Meu primeiro casamento durou 13 anos apanhei igual Burro e não pude ter filhos devido que ele não gostava de criança. Hoje com 39 anos feia, Pobre, Desempregada, formada faculdade de letras. Já não sei o que esperar da minha vida. Só tenho um Deus na minha vida, pois as pessoas me fazem muito de besta, porque gosto de fazer o bem para as pessoas e ajudar. A vida não é justa, acha que merecia essa vida? Só queria ter uma casinha boa para morar, emprego, para ter dignidade na vida. Sou amigada com um cara que ganha Pouco mas cuida de mim, graças a Deus. Tenho vontade de ter meu dinherinho para comer mistura, frutas e pagar as contas com um pouco de Paz. Tenho uma dividá com o Banco Bradesco de 3500, fico guase sem dormir devido que sou honesta, só fiz divída porque Deus sabe o que tenho Passsado em Lagoa Bonita- Deodápolis MS. meu fone (67) 34851177 ou (67)99830840. fone de Recado Edmundo (67)96965939. Vou vender um dos meus orgãs para eu não ter divída na vida, nunca devi uma bala e acho que não é agora, posso Morrer ao tirar um dos meus orgâos mas morrerei feliz e com dignidade estou com depresão profunda : Neste País temos muitas diferenças de classe e mesmo com estudo tenho que ser humilhada Trabalhando como diarista aqui o dia inteiro para ganhar 20 Reais é mole?Vendo 1 dos meus orgã por 100 mil estou desempregada. e Passando momentos difícil na minha vida. lilianjorge1@uol.com.br (67)34851177. Grata.agradeço desde já. lilianjorge1@uol.com.br.
Favor não sitar meu nome.
 
Lilian Jorge em 23/05/2011 06:56:30
Muito interessante.

Já baixei o livro pra lever.

A Profecia de Orion, por Patrick Geryl (só digitar no google que aparece para baixar o PDF).
 
Galdino Vilela em 23/05/2011 04:06:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions