A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 31 de Julho de 2014

10/11/2011 19:08

Bebê de 3 meses é internado com sinais de mordida e orelha mutilada

Viviane Oliveira

O menino deu entrada no hospital com um tampão do dedo mindinho esquerdo e a metade da orelha direita cortados e diversas mordidas no rosto e no abdômen

Um bebê de três meses deu entrada na última terça-feira (8), na Santa Casa, em Campo Grande, com sinais de maus-tratos.

De acordo com a conselheira tutelar responsável pelo caso, Cassandra Szubersk, o menino deu entrada no Posto de Saúde do bairro Guanandi com um tampão do dedo mindinho esquerdo e a metade da orelha direita cortados e diversas mordidas no rosto e abdômen.

Segundo ela, aparentemente os cortes foram feitos com uma tesoura. O bebê foi transferido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), para a Santa Casa.

Para a conselheira, a mãe, uma mulher de 23 anos, que tem histórico de dependência química e álcool, disse que foi uma criança de dois anos que fez os cortes no bebê.

Ela contou que foi ao supermercado e deixou o bebê na companhia de uma amiga de 18 anos. A jovem foi ao banheiro e quando voltou a criança já estava com os ferimentos.

O bebê teve alta do hospital ontem e foi encaminhado para um abrigo. Hoje ele fez exame de corpo de delito no Imol (Instituto Médico Odontológico Legal). Amanhã ele retorna ao hospital para fazer a reconstituição da orelha.

Quando adolescente, a mãe que hoje tem três filhos, também foi vítima de maus-tratos e o caso passou pelo Conselho Tutelar, segundo a conselheira.

O caso será investigado pela DPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e Adolescente).

Veja Também
Sesau prepara programação para a Semana Mundial da Amamentação
Com o objetivo de divulgar as benfeitorias do aleitamento materno e incentivar a prática da amamentação, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Públi...
Cinco envolvidos na morte de policial civil são ouvidos em 3ª audiência do caso
A terceira audiência do caso em que os irmãos Alexandre Gonçalves Rocha e Alexsandro Gonçalves Rocha que são acusados de matar, com três tiros, o pol...


Maus Tratos??!! No mínimo isso foi TORTURA.
 
adalberto ferreira em 11/11/2011 12:47:55
boa tarde esta faltando algo para essa mae sair das drogas e criar vergonha e ser mae deverdade nao cadela porque cadela bate mas nao tira pedaço isto é uma vergonha para as nossas autoridades do brasil (esta mae precisa muito é de jesus)
 
marcelo de souza silva em 11/11/2011 12:42:41
Demorô pra tirar a criança dessa mãe! Historinha bem mal contada essa da criança de 2 anos tesourar a orelha do bebê...
 
Carlos Renato Lopes em 11/11/2011 12:29:53
Senhores autoridades criem 1 lei para operar essas meninas dependentes de drogas, alcool, abusos etc qdo 1 profissional diagnosticar q ela n tera condicoes psicologicas, emocionais e financeiras para ter filhos...
Assim n sofre a mae, a crianca e nem a sociedade...
 
Maria Madalena Paulo em 11/11/2011 11:41:31
Nossa que trajedia esta acontecendo c nossas crianças..Tenho dois filhos,e minha rapinha tem 3 anos. Não consigo nem imaginar isso acontecendo c ele.NOssa que vontade que dá de socar uma mulher dessa, que faz isso c um indefezo.ABSURDO..Tomara que fique preza por muito tempo e la ela encontre o alguem que faça o mesmo ela,de igual p igual.
 
lucimar candido em 11/11/2011 10:59:57
Um absurso!!! Essa mulher nao tem condições de ficar com a criança, nao pode ser chamada de mãe pq não é...Pra que colocar filho no mundo pra sofrer desse jeito...
 
Camila Veronese em 11/11/2011 10:40:43
História muito mal contada !!!!!!!!!!!!! Nada justifica a mãe desta criança. Caso não tenha ninguem que queira esta criança eu quero !!!!! Pois irei dar muito carinho oque realmente precisa.
 
Waleska Marcos em 11/11/2011 10:20:25
Que mãe desnaturada! Estou chocáda,coitadinho do nenen que não póde se defender,se essa mãe não sabe cuidar de seus filhos é melhor que o conselho os leve.
 
Roselina Correia em 11/11/2011 10:15:55
Mulheres com histórico de maus-tratos (o que não justifica o acontecido), deveriam ter o direito de ser mãe interrompido. 20 anos e com 03 filhos, prova-se que é uma grande irresponsável. É um absurdo...
 
Edith Torres em 11/11/2011 09:39:20
Imagine a dor que este bebê sentiu,será que os gritos de dor não a comoveram?Espero que esta criança tenha um futuro melhor em algum lar onde ela seja bem-vinda.
que o caso seja apurado e os rsponsáveis punidos por tal barbárie,pois estamos falando de um indefeso.
 
Ita Lima em 11/11/2011 09:34:27
Controle de natalidade já!!!!! Uma mulher de 20 anos e já com três filhos e sem condições de proporcionar a mínima estrutura para eles, deveria ser proibido, botar mais gente no mundo sem qualquer responsabilidade deve ser encarado como crime! Essa cretina tem que responder por maus tratos contra indefeso.
 
Rovena Ceccon em 11/11/2011 04:51:02
De fato é muito decepcionante ler algo dessa forma, mas é lamentável ver que ninguém está vendo que esta mãe precisa de ajuda psicológica. Sofri muito nas mãos de uma mãe agressiva, que praticamente nos espancavas todos os dias, e um pai totalmente ausente, ela se tratou, ficou 6 meses internada em uma clínica e até hoje faz acompanhamento com um psiquiatra, e estamos bem, graças a Deus amo ela!
 
Eber Medeiros em 11/11/2011 02:27:26
Essa história tá mal contada.. como uma criança de dois anos, tem força para cortar uma orelha?? essa mãe é que é uma psicopata..louca..não merece ser mãe.
 
Vera Lucia Di Giorgio em 11/11/2011 01:06:36
HÁS VEZES NÂO CONSIGO ENTENDER ,ENQUANTO MUITAS MULHERES,QUEREM TER A OPORTUNIDADE DE SER MÃE,E NÃO TEM ,DEUS VAI E DA PARA ESTÁS LOUCAS,QUE SE DIZEM MÃE,
VAI ENTENDER
 
ANA CRISTINA MORAES PEDRO em 11/11/2011 01:01:51
Extremamente animalesco e primitivo, fato lamentável.
 
Adriana Camargo do Nascimento em 10/11/2011 08:41:58
imagem transparente

Desenvolvido por Idalus Internet Solutions