A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Julho de 2014

21/01/2011 06:56

Conselho do idoso fiscaliza casas de repouso

Ricardo Campos Jr.

Já foram encontradas irregularidades em 6 instituições

O CMI (Conselho Municipal do Idoso) vai dar continuidade à fiscalização em estabelecimentos de longa permanência para idosos nesta sexta-feira. Já foram encontradas irregularidades em 6 das 15 instituições do tipo existentes na Capital. A equipe deve percorrer os locais a partir das 13h30.

Será checada inicialmente a documentação da entidade. Os conselheiros irão observar se o local tem alvará sanitário e dos bombeiros. Caso não sejam encontradas irregularidades é renovada a inscrição no conselho.

Se alguma infração for observada serão tomadas providências que podem ir de multas ao fechamento do estabelecimento.

“Observamos, principalmente, se o espaço físico é adequado para receber os idosos, se o cuidador está dando o remédio de acordo com o receituário, se os medicamentos não estão vencidos, se tem nutricionista no local e se os alimentos estão conservados de forma adequada.”, explicou Silvana Pereira, conselheira do CMI.

Qualquer denúncia sobre maus tratos nas entidades de longa permanência para idosos pode ser feita para o número: 3314-5189.

Veja Também
Corpo de Bombeiros reforça guarnições para combater incêndios florestais
O 1º Grupamento de Bombeiros Militar iniciou reforço nas guarnições da Capital para o combate a incêndio florestal. O Comando Metropolitano de Bombei...
Loja terá que reincidir contrato com cliente e devolver parcelas de sofá
A 12ª Vara Cível de Campo Grande julgou procedente a ação movida pela cliente Noemi Silva Cavalcanti contra a loja de móveis e decorações Etna, decla...
Justiça impede que homem que responde processo entre na Guarda Municipal
O juiz titular da 1ª Vara de Fazenda Pública e de Registros Públicos, Nélio Stábile, julgou improcedente o mandado de segurança movido por um homem i...


qual é a especialidade do medico que atende no Lar de Idoso.
 
Remo Monti em 23/04/2014 08:32:36
Como devo proceder neste caso: Minha sogra está numa casa de repouso aqui na Moóca e começou a decair a qualidade de atendimento aos idosos, hoje tem apenas duas moças para atender 25 idosos, e não tem curso, sendo duas sócias que quando vem a vigilância Sanitária elas ficam por lá, mas na realidade elas não permanecem no local, isto está ocorrendo do final de 2010 pra cá, meu marido já conversou, mas nada. Hoje ele foi visitar minha sogra e acabou por auxiliar as meninas, o café são às 16:00hs. É triste, sabemos que elas estão recebendo mais idosos. Como devo proceder nesse caso?
 
Maria Luisa Lima da Silva em 15/02/2011 05:03:54
imagem transparente

Desenvolvido por Idalus Internet Solutions