A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2017

17/05/2011 18:36

Depois de 20 dias solto, homem diz que é “mandado” furtar

Paula Maciulevicius

Com mais de 30 passagens pela Polícia, “Mata Rato” deve voltar ao presídio

O ex-presidiário Wagner Leandro Leite, 23 anos, conhecido como “Mata Rato” foi preso depois de furtar uma bolsa em um restaurante na Rua Albertina de Matos, no Jardim Leste, em Dourados, município distante 233 quilômetros da Capital. Wagner disse aos policiais que furtou a “mando” do capeta.

Segundo o site Dourados Agora, “Mata Rato” tem mais de 30 passagens pela polícia e deixou o presídio de Dourados há 20 dias, onde também cumpria pena por furto.

O ex-presidiário pediu um prato de comida a uma pessoa nos fundos do restaurante, nesta tarde. Essa mesma pessoa saiu dizendo que iria buscar, momento em que “Mata Rato” teria aproveitado a porta da dispensa aberta, entrado no estabelecimento e furtado a bolsa.

A vítima notou o ocorrido e pediu ajuda de testemunhas que correram atrás do acusado e o imobilizaram até a chegada da Polícia Militar. Na delegacia, Wagner disse ao site Dourados Agora que antes de furtar, consultou Deus sobre esta vontade de cometer o crime.

Ele disse que diante de uma falta de resposta agiu em favor da “força do capeta”, que é mais forte do que ele. Wagner falou que está arrependido e que deve procurar Deus na Máxima.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions