A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

02/11/2016 12:56

Detento passa mal e morre no presídio de segurança máxima da Capital

Leandro Abreu

O detento Odevilson Martines Maldonado, 35 anos, morreu na manhã desta quarta-feira (2) após passar mal na cela em que estava preso, no presídio de segurança máxima de Campo Grande. Ele chegou a ser encaminhado para o pavilhão de saúde do estabelecimento penal, mas não resistiu e morreu. Não há informações sobre os motivos da morte.

Veja Mais
Com 29 meses de atraso, começa obra para diminuir caos em rotatória
Advogado vai à Justiça contra a prefeitura para barrar repressão a Uber

De acordo com o boletim de ocorrências, o agente penitenciário que estava de plantão foi chamado pelos detentos da cela 10, no pavilhão 2, e informado que Odevilson estava passando mal dentro da cela.

Em seguida o detento foi levado para a área de saúde do presídio, no pavilhão 4 e o Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram acionados, mas ninguém foi até o presídio.

Os bombeiros informaram que não possuíam médicos para atestar óbito. Já o Samu se negou a realizar o atendimento no presídio, conforme o registro policial.

O agente penitenciário ainda estranhou a reação dos outros detentos, pois sempre quando um deles passa mal, os outros iniciam um grande tumulto para chamar a atenção do plantonista. Mas dessa vez, toda a situação foi muito tranquila, sem alarde e sem gritaria.

O caso foi registrado como morte a esclarecer na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do centro da Capital.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions