A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

13/11/2016 10:27

Local onde três morreram ficou fora de projeto de instalação de guard rails

Waldemar Gonçalves
Corpos sendo retirados de local de acidente; acima, na imagem, é possível ver que trecho não é protegido por defensa metálica (Foto: Marina Pacheco)Corpos sendo retirados de local de acidente; acima, na imagem, é possível ver que trecho não é protegido por defensa metálica (Foto: Marina Pacheco)

A Prefeitura de Campo Grande contratou no mês passado, por R$ 732,4 mil, uma empresa para instalar 3,4 quilômetros de defensas metálicas – também chamadas de guard rails – em trechos de avenidas que margeiam cursos d’água da cidade. O local onde três pessoas morreram na manhã deste domingo (13), no entanto, não está entre os contemplados.

Veja Mais
Morador de Glória de Dourados é um dos 3 mortos em acidente em rio
Três pessoas são encontradas mortas em carro submerso no rio Anhanduí

O veículo em que os três estavam, um Crossfox, foi encontrado com as rodas para cima dentro do rio Anhanduí, margeado pela Avenida Ernesto Geisel, nas proximidades do Ginásio Guanandizão. Entre a avenida e o leito, há apenas uma guia de calçada e o barranco.

Ainda não se sabe quais as causas do acidente. Equipes do Corpo de Bombeiros, inclusive, fazem buscas nas águas do Anhanduí antes de descartar outras possíveis vítimas.

O único identificado até o fechamento deste texto é Juliano Rosa Xavier, de 35 anos. De acordo com pessoal do Corpo de Bombeiros que atua no resgate, ele é morador de Glória de Dourados, município que fica a 265 km de Campo Grande.

Trecho de avenida onde defensa metálica foi instalada recentemente (Foto: Mário Bueno / PMCG)Trecho de avenida onde defensa metálica foi instalada recentemente (Foto: Mário Bueno / PMCG)

As defensas metálicas ao longo das vias marginais de Campo Grande é reivindicação antiga. No caso das obras em andamento, conforme divulgado no site da Prefeitura, a previsão de conclusão é ainda na primeira quinzena de novembro.

Conforme a fonte oficial, os pontos escolhidos para instalação das defensas metálicas são as vias que margeiam os principais córregos e os cruzamentos mais perigosos, onde os veículos correm o risco de sair da pista.

Confira os 21 pontos onde, segundo a Prefeitura, estão sendo instaladas defensas metálicas atualmente:

1 - Avenida Ernesto Geisel com a rua Tonico de Carvalho.
2 - Avenida Ernesto Geisel com a Avenida Fernando Correa da Costa
3 - Avenida Ernesto Geisel com a rua 26 de Agosto.
4 - Avenida Ernesto Geisel com a rua João Rosa Pires
5 - Avenida Ernesto Geisel com a avenida Afonso Pena
6 - Avenida Ernesto Geisel com a rua Barão do Rio Branco.
7 - Avenida Ernesto Geisel com a rua Dom Aquino.
8 - Avenida Ernesto Geisel com a rua Marechal Rondon.
9 - Avenida Ernesto Geisel com a rua Maracajú.
10 - Avenida Ernesto Geisel com a rua Antonio Maria Coelho.
11 - Avenida Ernesto Geisel com a avenida América.
12 – Avenida Fernando Correa da Costa; entre as ruas Centenário e José Maria.
13 - Avenida Ernesto Geisel com a rua Eça de Queiroz.
14 - Avenida Ernesto Geisel com a avenida Rachid Néder.
15 – Avenida Fernando Correa da Costa, entre as ruas Sebastião Lima e Padre João Crippa.
16 – Avenida Costa e Silva com a Avenida Dr. Olavo Vilella de Andrade.
17 - Avenida Ernesto Geisel, abaixo da ponte da avenida Mascarenhas de Moraes.
18 – Avenida Fernando Correa da Costa com a rua Joaquim Murtinho.
19 - Avenida Ernesto Geisel com a rua Brilhante.
20 – Rua do Pavão com a rua do Albatroz.
21 – Rua Mascarenhas de Moraes.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions