A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

08/11/2016 13:13

Orçamento da Capital será discutido em audiência pública na Câmara

Richelieu de Carlo
Audiência pública acontece no plenarinho da Câmara Municipal. (Foto: Divulgação/Assessoria)Audiência pública acontece no plenarinho da Câmara Municipal. (Foto: Divulgação/Assessoria)

Está marcada para a próxima semana, na quarta-feira (16), audiência pública para discutir com a população o orçamento de Campo Grande para 2017, no plenarinho da Câmara Municipal. Para a audiência, foi convidado o secretário municipal da Seplanfic (Secretaria de Planejamento, Finanças e Controle), Disney Fernandes.

Veja Mais
“Gestão Bernal optou por maquiagem contábil”, diz relator do Orçamento
Marquinhos se reúne com vereadores para discutir apoio e orçamento 2017

Realizada pela Comissão de Orçamento e Finanças, no evento será debatido o projeto da LOA (Lei Orçamentária Anual) para 2017, encaminhado pelo Executivo para análise dos vereadores. Por se tratar de audiência pública, a discussão é aberta à comunidade.

O relator do orçamento, vereador Eduardo Romero (Rede), revela que a questão financeira do município é preocupante, resultado da falta de planejamento das gestões nos últimos anos, e que serão apresentados os “números reais” na audiência.

Menos investimentos - O projeto do Executivo, que prevê R$ 3,59 bilhões para 2017, foi encaminhado para a Câmara Municipal no final de setembro e a partir daí passou a ser analisado e receber emendas dos parlamentares.

De acordo com o projeto apresentado, a área que terá maior queda no investimento é a de transporte com 2,50% a menos do que foi neste ano. Neste setor para 2016 a previsão de investimento foi de 14,07% do orçamento municipal e para o próximo é de 11,57% do orçamento, o que representa menos R$ 70 milhões.

Outra área com vasta demanda e que tem previsão de menos investimento é a educação. Para este ano a previsão de investimento foi de 22,16% do orçamento municipal e para o ano que vem é de 21,64%, ou seja, uma queda de 0,52%, que representa em dinheiro menos R$ 11 milhões.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions