A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

10/11/2016 16:09

Coronel reformado do Exército é nomeado para comando regional da Funai

Fernanda Yafusso
Coronel Renato Sant'Anna foi nomeado ao cargo de Coordenador Regional da Funai (Foto: Diário Corumbaense)Coronel Renato Sant'Anna foi nomeado ao cargo de Coordenador Regional da Funai (Foto: Diário Corumbaense)

O coordenador regional de Campo Grande da Funai (Fundação Nacional do Índio), Evair Borges, foi exonerado do cargo nesta quinta-feira (10), conforme publicação no DOU (Diário Oficial da União) do Ministério da Justiça. Para o lugar dele foi nomeado Renato Vida Sant'Anna, coronel reformado do Exército.

Veja Mais
Tribunal nega recurso à Funai e mantém força policial para despejar índios
Após alerta do TRE, corregedor libera documento da Funai para índio votar

A exoneração foi divulgada na página 37 do DOU, que também traz a nomeação ao cargo de coordenador regional do militar. Ele que já foi subchefe do Estado-Maior do CMO (Comando Militar do Oeste) na Capital.

Evair Borges explica que ficou surpreso quando soube da substituição. "Eu estava em reunião hoje pela manhã em um outro local fora da Funai. Quando retornei e olhei o Diário Oficial, vi meu nome e logo abaixo a nomeação do novo coordenador regional. Fiquei surpreso".

O ex-coordenador comenta também, que acredita ter feito um bom trabalho durante o período em que ocupou o cargo. "Agradeço à comunidade pelo apoio que sempre recebi e ter assumido a coordenação regional me rendeu uma grande experiência".

De acordo com o deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS), a indicação do nome do coronel ao cargo de coordenador da fundação resulta de conversa técnica com pessoas ligadas ao setor.

"Sugeri o nome do coronel até por uma questão histórica de amizade entre militares e os índios. E não podemos deixar de lembrar o quanto o Marechal Rondon contribuiu com os índios e foi um exemplo para a história do nosso País. Os militares têm uma preparação macro a respeito das questões nacionais indígenas, e o Coronel Sant'Anna tem uma vasta história de trabalho nessa área. E a expectativa é que ele com sua experiência venha a contribuir com a comunidade".

A reportagem tentou contato com o militar, mas não conseguiu. No CMO, a informação é de que o setor de assessoria de comunicação não está autorizado a dar informações sobre o oficial.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions