A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

22/06/2014 14:39

Candidatos criticam confusão e colocam concurso em xeque

Lidiane Kober e Kleber Clajus
Após sumiço de provas, parte dos candidatos a vaga na PRF voltaram às salas de aula para efetivar o teste (Foto: Cleber Gellio)Após sumiço de provas, parte dos candidatos a vaga na PRF voltaram às salas de aula para efetivar o teste (Foto: Cleber Gellio)

Confusão no dia 25 de maio, que obrigou marcar nova data da prova para 415 inscritos no concurso da PRF (Polícia Rodoviária Federal), voltou a arrancar críticas dos candidatos, neste domingo (22), dia do teste escrito. Muitos colocaram em xeque o processo seletivo, principalmente, por não encontrar explicação para o sumiço das provas.

Veja Mais
MPF não fica satisfeito com anulação parcial de provas da PRF
Com nova data, candidatos de concurso da PRF devem ficar atentos as regras

“O ideal seria anular todo o concurso e reaplicar o teste em todo o país”, defendeu o diretor de autoescola, Cleuson Silva, de 37 anos. Ele disse que só foi hoje realizar a prova por “desencargo de consciência”. Depois de tudo o que aconteceu não acredito na seriedade do concurso”, emendou.

A insatisfação também rondou a cabeça da publicitária Iara Ferro, de 40 anos. “Acredito que não seja justo fazermos a prova agora, porque não ocorre em iguais condições de concorrência”, analisou. Um dos principais motivos da incerteza dela gira em todo da possibilidade de o concurso voltar a ser anulado como um todo, como defendem algumas entidades e candidatos.

A programadora de sistemas Laura Costa, de 36 anos, classificou o processo seletivo como “duvidoso”, mas evitou desanimar. “Fiquei decepcionada, até pensei em pedir o dinheiro de volta, mas não vou desistir. Só espero que a prova consiga chegar até a banca de correção”, comentou.

Professora de canto, Gabrielle Oliveira, de 28 anos, considerou a remarcação das provas “uma resposta a busca por direitos”. “Foi horrível e desestimulante psicologicamente ver o sumiço das provas, fiz cursinho, gastei dinheiro que não tinha e já estava preparada para a primeira prova”, disse.

Contrária a decisão de anulação parcial do concurso, mesmo sem estar entre os 415 que ficaram sem a prova no dia 25 de maio, a estudante Danúbia Nascimento de Oliveira, de 30 anos, foi acompanhar a realização das provas, neste domingo, na Unigran. “Não concordo com a reaplicação das provas, gostaria que fosse refeita com todos os candidatos”, afirmou. “Eles tiveram 30 dias a mais de estudo e uma prova na mão”, explicou.

A jovem está entre os que acionaram a Defensoria Pública e o MPU (Ministério Público da União) para anular como um todo a prova. “Não se consegue achar um explicação para o sumiço das provas, mesmo quem não recebeu a prova não concorda”, finalizou.

O caso - No dia 25 de maio, candidatos que foram ao colégio Dom Bosco para fazer a prova se revoltaram com o fato de os cadernos com os testes não terem chegado ao local e nenhuma orientação ter sido dada. Muitos foram embora e outros ficaram no local, o que provou tumulto. Quatro equipes da Polícia Militar estiveram na escola.

A fundação chegou a divulgar, em nota, que houve atraso de cerca de uma hora na chegada das provas no colégio Dom Bosco, mas que os candidatos é que não quiseram fazer o teste e acabaram provocando tumulto. No mesmo texto, a fundação afirmou afirmou a “lisura” do processo seletivo não havia sido comprometida.

O concurso da PRF oferece 216 vagas de agente administrativo. O salário é de R$ 2.043,17 para jornada de 40 horas semanais. Do total das oportunidades, 5% são reservadas para pessoas com deficiência. Ao todo, 259.136 candidatos se inscreveram, concorrência média de 1.199 pessoas por vaga.

Polícia foi à Unigran para atuar em caso de nova confusão (Foto: Cleber Gellio)Polícia foi à Unigran para atuar em caso de nova confusão (Foto: Cleber Gellio)
Candidatas foram ao local das provas cobrar a anulação total do concurso (Foto: Cleber Gellio)Candidatas foram ao local das provas cobrar a anulação total do concurso (Foto: Cleber Gellio)
Com nova data, candidatos de concurso da PRF devem ficar atentos as regras
Os candidatos do concurso público para agente administrativo da PRF (Polícia Rodoviária Federal) que tiveram as provas do dia 25 de maio anuladas ter...
MPF investigará suspeita de irregularidades em concurso da PRF
O MPF (Ministério Público Federal) abriu, nessa quarta-feira (28), inquérito civil público para apurar possíveis irregularidades na aplicação das pro...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions