A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

01/09/2014 11:50

Feira oferece 200 vagas de estágio para universitários entre hoje e quarta

Viviane Oliveira
Um dos stands é do IEL, que foi montado para atender os acadêmicos. (Foto: divulgação) Um dos stands é do IEL, que foi montado para atender os acadêmicos. (Foto: divulgação)

A Faculdade Estácio de Sá de Campo Grande realiza, a partir de hoje (1º) até o dia 3, a Feira de Estágio & Emprego, com 10 stands de empresas de Gestão de Recursos Humanos, que vai oferecer, no total, 200 vagas para universitários de várias áreas.

Veja Mais
Funsat oferece nesta quinta vagas para digitador, mecânico e pintor de móveis
Com 122 vagas e salários de R$ 12,6 mil, inscrição para concurso encerra dia 11

Durante os três dias serão feitos cadastros para estágio e emprego, entrevistas e orientações gerais sobre elaboração de currículos e como se portar durante uma seleção.

A coordenadora do Espaço Estágio Emprego da faculdade, Yasmin Casagranda, explica que a ideia é trazer o mercado de trabalho para o ambiente acadêmico, reunindo em um só lugar várias empresas e instituições de recrutamento de Mato Grosso do Sul.

Conforme Michel Luna, representante do IEL (Instituto Euvaldo Lodi), a feira vai possibilitar a interação dos acadêmicos com as empresas, seja para as vagas de estágio e voluntariado.

A visita à Feira de Estágio e Emprego é gratuita e aberta a toda a comunidade. Horários de visitação: manhã (07h30 às 11h) e noite (18h30 às 22h). Local: Estácio, Rua Venâncio Borges do Nascimento, nº 377, Jardim TV Morena.

Inserção do mercado - Em 2008 foi sancionada uma lei federal que trouxe melhorias para a categoria dos estagiário, como bolsa auxílio, direito a férias, entre outros benefícios. Em contrapartida, o número de estagiários no Brasil é pouco significativo em comparação ao quantitativo de estudantes matriculados no ensino superior.

Conforme a última pesquisa da Abres (Associação Brasileira de Estágios), dos sete milhões de brasileiros cursando o nível superior, apenas 10,51% estão estagiando.

Funsat oferece nesta quinta vagas para digitador, mecânico e pintor de móveis
A Funsat (Fundação Social do Trabalho) oferece nesta quinta-feira dezenas de vagas de emprego em Campo Grande. As oportunidades são para digitador, m...
Com 122 vagas e salários de R$ 12,6 mil, inscrição para concurso encerra dia 11
A Prefeitura de Fátima do Sul, distante 246 km de Campo Grande, encerra no dia 11 de dezembro, as inscrições para o concurso com 122 vagas e salários...
IFMS abre edital para especialização gratuita em oito cidades de MS
O IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) lançou processo seletivo para o curso de especialização em Docência para Educação Profissional, Cien...



Claro que é baixo o numero de estagiários no Brasil, o valor da "bolsa" que dão é muito baixo, assim os acadêmicos tem que trabalhar em um emprego convencional que muitas vezes não é na sua área de formação, e os acadêmicos que não precisam trabalhar porque iriam receber uma bolsa auxilio miserável enquanto seus pais lhe propiciam dinheiro carro e tudo o que pedem?
 
carlos alexandre barros em 01/09/2014 14:36:52
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions