A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

25/05/2014 16:03

Provas atrasam e concurso para a PRF se transforma em tumulto

Marta Ferreira e Bruno Chaves
Candidatos do lado de fora de salas de provas. (Foto: Carlos Novaes)Candidatos do lado de fora de salas de provas. (Foto: Carlos Novaes)

A prova objetiva de um concurso para agentes administrativos da PRF (Polícia Rodoviária Federal) foi marcada por tumulto nesta tarde em Campo Grande, em razão do atraso na chegada dos cadernos com as questões em um dos blocos, no colégio Dom Bosco, um dos 12 locais de aplicação do exame. O início deveria ter sido às 14h10, mas até pouco antes das 16h, não haviam chegado as provas em parte das salas, no bloco E da escolaO concurso tem 216 vagas, 15 para contratação imediata no Estado e 47 delas para cadastro de reserva.

Veja Mais
Funsat oferece nesta quinta vagas para digitador, mecânico e pintor de móveis
Com 122 vagas e salários de R$ 12,6 mil, inscrição para concurso encerra dia 11

Depois de receber várias ligações de pessoas que estavam no local, do lado de fora aguardando a prova, ou ainda de amigos e parentes de candidatos, a reportagem do Campo Grade News esteve no local e constatou que um número estimado de 500 pessoas deixou de fazer a prova.

Alguns foram embora depois de uma hora e quarenta minutos esperando, como foi o caso do diretor de autoescola Cléuson da Silva Souza, 37 anos. “Fiquei 1 hora e 40 sentado, depois do horário de início previsto para a prova. É uma falta de respeito”, definiu. Outros candidatos foram embora depois de assinar o cartão de resposta e há, ainda, os que deixaram o local com um documento informando que compareceram na hora indicada, mas não tiveram como fazer a prova.

A equipe do jornal foi impedida de entrar no local de provas, mas do lado de fora era possível perceber muita confusão, gritos e vaias.

Policiais militares foram ao local, além de uma equipe da PRF. Essa equipe informou que foi até o colégio como procedimento de praxe, para fazer um relatório sobre a prova. Segundo a informação prestada, a responsabilidade é da entidade realizadora do concurso, a Funcab (Fundação Professor Carlos Auguesto Bittencourt). Nenhum representante da Fundação se manifestou no local

Funsat oferece nesta quinta vagas para digitador, mecânico e pintor de móveis
A Funsat (Fundação Social do Trabalho) oferece nesta quinta-feira dezenas de vagas de emprego em Campo Grande. As oportunidades são para digitador, m...
Com 122 vagas e salários de R$ 12,6 mil, inscrição para concurso encerra dia 11
A Prefeitura de Fátima do Sul, distante 246 km de Campo Grande, encerra no dia 11 de dezembro, as inscrições para o concurso com 122 vagas e salários...
IFMS abre edital para especialização gratuita em oito cidades de MS
O IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) lançou processo seletivo para o curso de especialização em Docência para Educação Profissional, Cien...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions