A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

04/11/2013 16:48

À espera de cubana, município de MS só tem médicos estrangeiros

Aline dos Santos
Em Coronel Sapucaia, há médicos paraguaios e peruano. (Foto: Divulgação)Em Coronel Sapucaia, há médicos paraguaios e peruano. (Foto: Divulgação)

Ainda sem explicação de por que a médica cubana destinada ao município não veio, Coronel Sapucaia, na fronteira com o Paraguai, só tem atendimento em saúde graças aos profissionais estrangeiros.

Veja Mais
Desafio de médicos estrangeiros vai do idioma a achar cidade no mapa
Ministério da Saúde dá registro para médicos cubanos atuarem em MS

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Eleonor de Jesus Ximenes, os quatro médicos da rede pública são paraguaios. Outros dois estrangeiros – um peruano e um paraguaio – reforçam os plantões.

O município de 14.607 habitantes tem três unidades de PSF (Programa de Saúde da Família), um hospital e um problema crônico: a falta de interesse dos médicos em trabalharem a 400 km de Campo Grande.

Segundo o secretário, as remunerações vão de R$ 12 mil a R$ 22 mil. Para ampliar o quadro escasso, a Prefeitura se inscreveu no programa “Mais Médicos”.

A profissional designada para o município deveria ter chegado ao Estado na semana passada, ter feito curso sobre o SUS (Sistema Único de Saúde) em Campo Grande e começado a trabalhar hoje. No entanto, o município não foi informado do motivo da ausência da médica.

O registro para que Yamilet Hernandez Fernandez exerça a Medicina em Coronel Sapucaia já foi, inclusive, emitido pelo Ministério da Saúde.

Inicialmente, foi anunciada a vinda de 22 médicos intercambistas para dez municípios: Bela Vista, Campo Grande, Caracol, Coronel Sapucaia, Corumbá, Japorã, Mundo Novo, Paranhos, Ponta Porã e Tacuru. No entanto, somente 19 profissionais chegaram ao Estado.

Os médicos recebem bolsa de R$ 10 mil por mês e ajuda de custo paga pelo Ministério da Saúde. Os municípios ficam responsáveis por garantir alimentação e moradia aos selecionados.

 

Ministério da Saúde dá registro para médicos cubanos atuarem em MS
Mais sete profissionais intercambistas receberam registro único do Ministério da Saúde para atuarem no programa “Mais Médicos” em Mato Grosso do Sul....
MS recebe neste fim de semana 22 profissionais do Programa Mais Médicos
Ao todo, 22 médicos estrangeiros chegam neste fim de semana a Mato Grosso do Sul, onde atuarão a partir de 4 de novembro, na segunda etapa do Program...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions