A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

20/05/2011 10:28

Acordo prevê que índios desocupem fazenda em Sidrolândia nesta 6ª feira

Aline dos Santos
Índios ocupam fazenda há 10 dias em Sidrolândia. (Foto: João Garrigó)Índios ocupam fazenda há 10 dias em Sidrolândia. (Foto: João Garrigó)

A fazenda 3R, em Sidrolândia, deve ser desocupada até a tarde de hoje pelos índios terena. A área foi ocupada no último dia 10. Sete dias depois, liminar da justiça federal determinou a saída dos indígenas. A fazenda pertence à família Bacha.

De acordo com o advogado Newley Amarilha, o oficial de justiça foi ao local e ficou acertado que os índios sairiam nesta sexta-feira, de forma pacífica. Segundo ele, a área fica a 500 metros da aldeia Buriti.

A briga entre fazendeiros e índios já dura dez anos. Neste mês, os terena ocuparam a fazenda 3R e anunciaram a retomada dos 17 mil hectares reconhecidos como terra indígena.

Na última quarta-feira, eles bloquearam o tráfego na BR-163, próximo a Jaraguari, por seis horas. O protesto foi encerrado após a Funai (Fundação Nacional do Índio) agendar uma reunião em Brasília na próxima segunda-feira.

Os índios cobram que seja criado um grupo de trabalho e a publicação da portaria com a demarcação.

A AGU (Advocacia Geral da União) entrou com recurso contra a reintegração de posse determinada pela Justiça Federal. O MPF (Ministério Público Federal) também vai acionar a justiça para que os índios permaneçam na fazenda.

Localizada a 30 km de Sidrolândia, a Buriti é formada por um complexo de nove aldeias, com quatro mil pessoas vivendo em 2 mil hectares.




A AGU e o MPF sai com recursos em defesa dos direitos indigenas.E a FUNAI,hein? O que fez,o que faz antes ou q fará sobre a questão. A Funai está tentando agendar reunião em Brasilia... com a propria Funai! A rendição PACIFICA dos indigenas é provisoria acordada com autoridades sérias e tambem pra calar a boca daqueles covardes q tentaram denegrir a imagem dos indios, de q são baderneiros e de que são bandidos armados.A comunidade indigena do Buriti é de paz, vive em paz com a vizinhança e luta sem ódio com a arma q tem pra garantir seus direitos.Às autoridades que agilizem o qto antes a solução definitiva pro caso!
 
samuel gomes-campo grande em 20/05/2011 11:45:28
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions