A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

23/12/2010 08:24

Adolescente acusada de matar sobrinha em Caarapó vai para Unei em Dourados

Ricardo Campos Jr.

Polícia concluiu que a criança foi morta com a ajuda da tia

Adolescentes acompanharam a morte da garota bebendo e usando drogas. Corpo foi encontrado pela mãe embaixo de uma árvore(Foto: Dourados News)Adolescentes acompanharam a morte da garota bebendo e usando drogas. Corpo foi encontrado pela mãe embaixo de uma árvore(Foto: Dourados News)

A adolescente de 17 anos, suspeita da morte da indígena Luzimara Almeida Martins, 8 anos, foi transferida da cadeia pública de Caarapó para a Unei (Unidade Educacional de Internação) de Dourados. Após ouvir os 4 adolescentes apreendidos,a Polícia Civil concluiu que os responsáveis pela morte foram a tia da criança e o adolescente de 16 anos.

Segundo informações do site Caarapó News, o garoto foi quem estuprou, asfixiou e agrediu criança. A tia ajudou e matou a vítima com um golpe de barra de ferro na cabeça. Enquanto isso, o primo de Luzimara, um adolescente de 15 anos, e outro garoto de 16, assistia a tudo bebendo e usando drogas.

Luzimara foi vista pela última vez pela mãe, ao sair da aldeia Tey Kuê acompanhada pela tia e pelo primo por volta das 8 horas da manhã da última terça-feira, dia 21. Eles foram à fazenda para tomar banho no lago de uma fazenda próxima.

Eles haviam combinado de se encontrarem com os outros adolescentes envolvidos na propriedade rural. No local, os garotos começaram a beber até que, com a ajuda da tia, Luzimara foi estuprada e depois morta.

A tia voltou à aldeia já no fim da tarde e disse à mãe da vítima que a filha dela havia morrido afogada. A mulher imediatamente foi até a fazenda, onde encontrou o corpo de filha embaixo de uma árvore.

Ela acionou a Polícia, que foi ao local. Grande número de moradores da aldeia foi à fazenda e em contato com eles, a Polícia descobriu o envolvimento dos garotos e dos parentes da vítima e apreendeu a todos.

Segundo informações da Polícia, a tia de Luzimara contou às colegas de cela na delegacia que havia trocado a menina por drogas, o que foi apurado pelos policiais. Os adolescentes de 16 e 17 negaram, inicialmente, o envolvimento.

Segundo informações do site Caarapó News, o primo e os garotos continuam na cadeia pública da cidade.

(Com informações do site Caarapó News)




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions