A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

23/07/2013 08:39

Adolescente de 16 anos foi morto ao tentar assaltar taxista em Naviraí

Francisco Júnior

O adolescente Thiago Tavares Candido, de 16 anos, que foi encontrado na madrugada de domingo (21), com um tiro na cabeça, em uma estrada vicinal de Naviraí, tentou assaltar um taxista.

Veja Mais
PRF apreende carreta com 250 kg de agrotóxicos contrabandeados do Uruguai
Autores de 'arrastão' são presos após perseguição de moto; veja o vídeo

De acordo com o site Tá Na Mídia Naviraí, o taxista de 50 anos se apresentou ontem (22) na delegacia acompanhado do advogado. Ele afirmou que na madrugada de domingo recebeu uma ligação de uma pessoa que se identificou pelo nome de “Valmir”, para ir buscar ele e outro passageiros em uma chácara onde acontecia uma festa.

Segundo ele, ao chegar perto da referida do local combinado, dois rapazes deram sinal para que ele parasse, sendo que um deles se identificou como “Valmir”, o passageiro que solicitou a corrida. A dupla ao entrou no carro e sentaram no banco traseiro, em seguida, anunciaram o assalto colocando uma faca no pescoço do taxista. Segundo o taxista um dos assaltantes ainda arrebentou uma corrente de ouro que usava no pescoço.

O taxista contou que tentou oferecer a quantia de R$140,00, que ele tinha na carteira e seu aparelho celular, porem os assaltantes queriam o carro. Ele disse que chegou a lutar com os assaltantes.

O taxista relatou ainda que conseguiu correr do local, mas foi perseguido. Ao ver que estava sendo seguido pelos dois assaltantes, sacou um revólver que estava em sua cintura e disparou três vezes em direção da dupla. Um dos tiros acertou a cabeça do adolescente que morreu na hora. O outro assaltante ao ver que o taxista estava armado fugiu do local. O taxista também fugiu. 

O corpo do adolescente foi encontrado por populares que saiam da festa que era realizada na chácara e acionaram os Bombeiros e a Polícia.

O taxista prestou depoimento e foi liberado. A arma usada por ele, um revólver calibre 38, e que está registrado em seu nome, foi apreendido pela polícia e será periciada.

Conforme o site, a polícia trabalha para tentar identificar e localizar o comparsa do adolescente que participou da tentativa de assalto. O adolescente morto, já tinha inúmeras passagens pela polícia como menor infrator, e recentemente tinha deixado à cadeia onde ficou aprendido por cerca de 30 dias.




Se o adolescente tivesse matado o taxista com certeza ai ficar um tempo na cadeia é depois ir ser solto. É com certeza a familia do taxista ia sofrer pelo resta da vida pela perda de um pai de familia que trabalha honestamente. pensem nisso.
 
sales santos em 23/07/2013 14:09:42
Menos um...
 
Marcos Figueiredo em 23/07/2013 12:00:16
Parabéns ao Taxista, um meliante a menos, eu não faria diferente, tomara que as autoridades e a nossa 'injustiça' tao falha não o indicie por homicídio, sendo que ele tentou se defender.
O cara trabalhando até altas horas pra poder por comida na mesa e vem um meliante, abusado que usa da sua idade e da pseudo Justiça do nosso pseudo País pra cometer crimes e sair impune, tentando roubar o que ele trabalhou para conseguir, teve o que era merecido! assim como todos os outros, sendo eles de colarinho branco ou não!
 
Giullyano Rocha em 23/07/2013 11:27:27
belo serviço deste taxista, fez o que o estado deveria fazer!!!!!!!!!!!!
tirar esses da face da terra!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 
idevaldo de jesus em 23/07/2013 11:24:29
Beleza, taxista deveria ter instrução e permissão para usar arma de fogo, aliás eles hoje são grandes parceiros da polícia.
 
juraci montanha em 23/07/2013 09:51:09
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions