A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

25/10/2011 16:38

Além de derrubar torre, temporal e Água Clara causa queda de energia

Nadyenka Castro

Diversos imóveis estão sem energia elétrica e alguns moradores estão sem sinal de telefonia móvel

Torre caiu sobre casas e feriu seis pessoas. (Foto: Zanilda Alves da Silva Lionakis/Água Clara)Torre caiu sobre casas e feriu seis pessoas. (Foto: Zanilda Alves da Silva Lionakis/Água Clara)

Além de derrubar uma torre de telefonia, temporal no início da tarde desta terça-feira em Água Clara, a 198 quilômetros de Campo Grande, deixou alguns imóveis sem energia elétrica.

Houve queda de energia em vários pontos, um deles a sede da PM (Polícia Militar) e vários comércios. Na madeireira onde trabalha Evandro Martins Ferreira está ‘escuro’ desde o início da tarde.

De acordo com a Enersul, não houve problemas com a rede de transmissão de energia e sim situações pontuais que foram resolvidas. Apenas nove imóveis ficaram totalmente sem luz, de um total de 50 imóveis que registraram oscilação, segundo a empresa.

Segundo Evandro, os celulares também estão sem sinal. Diversos moradores ouvidos pelo Campo Grande News relataram a mesma situação. “Pelo menos o meu celular não dá sinal e onde estou não tem energia”, contou um trabalhador de uma farmácia que preferiu não se identificar.

Torre- O vento forte derrubou uma torre de telefonia. O equipamento caiu sobre três residências e seis pessoas ficaram feridas. Elas foram encaminhadas ao hospital do município sem ferimentos graves aparentes. Em nota oficial, a Oi confirmou que torre que caiu pertencia a companhia e que equipes de manutenção e apoio foram acionadas.

Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS
A boliviana Celia Castedo Monasterio, indiciada pelo Ministério Público de seu país por ter autorizado o plano de voo da Chapecoense, com saída em Sa...
Hospital Universitário de Dourados alerta para golpe do falso médico
Falso médico estaria agindo em nome do HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados) e nesta segunda-feira entrou em co...



Além da destruição já descrita, quatro carros foram destruídos pela queda da torres. Deus livrou, pois se fosse em um horário não comercial, muitas pessoas morreriam dentro das casas destruídas.
 
Vaticínio Neto em 25/10/2011 07:34:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions