A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

14/11/2014 22:38

Amanhã, 420 corredores disputam corrida noturna entre duas cidades de MS

Helio de Freitas, de Dourados
Corredores largam em Itaporã, seguem pela MS-156 e terão chegada na Praça Antonio João, em Dourados (Foto: Divulgação)Corredores largam em Itaporã, seguem pela MS-156 e terão chegada na Praça Antonio João, em Dourados (Foto: Divulgação)

Será neste sábado, dia 15, a prova de pedestrianimo realizada à noite entre as cidades de Itaporã e Dourados, a 233 km de Campo Grande. Segundo os organizadores, 420 atletas se inscreveram para a 2ª Meia Maratona Cidade de Dourados.

Veja Mais
Força Nacional vai continuar por mais 30 dias em área onde índio foi morto
Apenas 60% dos inscritos no Enem participam da segunda prova em MS

Entre os participantes estão corredores de Mato Grosso do Sul, Paraná, Mato Grosso, São Paulo, Minas Gerais, Goiás e até do Paraguai. A primeira edição da prova, realizada no ano passado, teve 360 inscritos.

De acordo com a assessoria da prefeitura, a largada será às 19h no ginásio municipal de Itaporã e a chegada na Praça Antônio João, em Dourados. Os atletas inscritos precisam estar no local da largada até às 18h, para receber orientações, inclusive sobre o período máximo de prova, que é de duas horas e meia. O kit da prova precisa ser retirado amanhã das 7h às 11h no estádio Douradão, ou no ginásio de Itaporã, das 15 às 18h.

Serão premiados os cinco primeiros colocados no feminino e masculino, o atleta mais idoso, cadeirante e deficiente visual. Tanto no masculino quanto no feminino o campeão recebe R$ 1.500, o segundo colocado R$ 1 mil, o terceiro R$ 800, o quarto R$ 600 e o quinto colocado R$ 400. Todos ganham também troféu e medalha.

Nas categorias por faixa etária, os três primeiros colocados recebem apenas troféus e medalhas e todos os 400 inscritos que concluírem a prova receberão medalha de participação. O mais idoso que terminar em primeiro lugar, assim como o primeiro cadeirante e primeiro deficiente visual, tanto feminino como masculino, recebe R$ 300, troféu e medalha.

Trabalhador morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...
Ciclista morre ao ser atingido por vários tiros disparados por dupla em moto
Wellington Ronaldo de Souza, 34, foi morto a tiros ao ser abordado por dois homens que estavam em uma moto. O homicídio aconteceu às 20h30 de domingo...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions