A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

22/07/2012 09:07

Após briga dentro de boate, rapaz é morto em frente a festa com cinco tiros

Paula Maciulevicius

Autélio Avelino da Silva, de 27 anos, havia brigado com outro rapaz dentro da boate e chegou a ser retirado pelos seguranças

Uma das pessoas com quem a vítima brigou foi embora e voltou em seguida. Armado, o homem disparou contra Autélio, que morreu no local. (Foto: Dourados Agora)Uma das pessoas com quem a vítima brigou foi embora e voltou em seguida. Armado, o homem disparou contra Autélio, que morreu no local. (Foto: Dourados Agora)

Um rapaz de 27 anos foi morto na madrugada deste domingo, em frente a uma festa, na rua Edilberto Celestino, em Dourados. Autélio Avelino da Silva, de 27 anos, havia brigado com outro rapaz dentro da boate e chegou a ser retirado pelos seguranças.

Segundo o jornal Dourados Agora, do lado de fora da festa, Autélio continuou a discussão. Uma das pessoas com quem brigou foi embora e voltou em seguida, como carona de uma Eco Sport preta.

O homem desceu armado e disparou contra a vítima. Pelo menos cinco tiros acertaram Autélio nas costas, peito e cabeça. Autélio não resistiu aos ferimentos e morreu.

O autor dos disparos, conforme relatos de testemunhas, chegou a apontar a arma para o proprietário da boate, puxou o gatilho, mas falhou.

Cápsulas deflagradas foram colhidas no local do crime e tudo indica que o suspeito utilizou uma pistola 9mm.

O rapaz ainda não foi preso e a Polícia investiga o caso.




Temos que nos cuidar muito bem, porque hoje em dia se morre e se mata por muito pouco, a vida já não tem tanto valor, o descontrole psicologico das pessoas estão a flor da pele, não estamos seguros em lugar nenhum, a qualquer momento podemos ser vítimas ou algozes. Que "DEUS" tome providencias urgente com relação a essa raça de animal tão irracional como pensa ser racional.
 
jorge leandro em 22/07/2012 12:54:40
Gostaria de saber se vai acontecer alguma coisa com quem atirou, possivelmente se for pego, ficará no máximo hum ano na prisão, haja vista, a justiça ser certeira, não é mesmo? Aliás, o rapaz que matou o segurança está chegando em sua residência às dez horas? Todos os dias, quem está fiscalizando? Os pais da criança, ah tá, justiça rápida e justa no nosso estado.
 
Paulo Cesar em 22/07/2012 09:59:08
Boate leva a isso, bebidas, pegação e brigas.
Não é lugar de gente de respeito não!
 
Marcella Cruz em 22/07/2012 08:39:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions