A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

09/05/2011 16:28

Após vistoria de técnicos, tráfego sobre ponte é liberado em Corumbá

Fabiano Arruda
Pode tranfegar na ponte, danificada ontem, um caminhão por vez. (Foto: Divulgação/PRF) Pode tranfegar na ponte, danificada ontem, um caminhão por vez. (Foto: Divulgação/PRF)

O tráfego de veículos pesados foi liberado, nesta tarde, na ponte sobre o Rio Paraguai, em Porto Morrinho na BR-262, em Corumbá, informa a PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Na manhã de hoje técnicos da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) foram ao local, a pedido do governador André Puccinelli (PMDB), para fazer os primeiros diagnósticos e apontar alternativas.

Neste momento, podem passar um veículo por vez para não piorar o vão aberto ontem após uma embarcação colidir com uma das colunas da ponte.

No entanto, segundo informações da PRF, que continua monitorando a situação, a restrição de tráfego por voltar, caso os técnicos avaliem que a liberação piorou a situação.

Caso a interdição volte a ocorrer e coloque em risco o abastecimento da cidade, que fica isolada sem trânsito na ponte, os caminhões, com carregamentos importantes para o Estado, podem transitar sobre balsas no rio, conforme o capitão dos Portos do Pantanal, capitão-de-fragata, Fábio de Freitas Machado.

No entanto, esta opção, caso necessária, terá de ser feita por um circuito específico no rio, já que a navegação, debaixo da ponte, também fica proibida com o fechamento da ponte.

Acidente - A interdição durou mais de 20 horas. Ontem, por volta das 12 horas, uma embarcação com aproximadamente 70 toneladas de farelo de soja colidiu com uma das colunas de concreto da ponte.

O incidente isolou a região de Corumbá neste período, já que a estrada Parque, outra ligação ao município, também está interditada por conta da cheia na região do Pantanal.

E com a paralisação, o temor de autoridades é que o abastecimento de produtos fique comprometido.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions