A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

30/04/2012 20:36

Autores de homicídio e destruição de cadáver são condenados pelo TJ-MS

Nyelder Rodrigues

Dois acusados por homicídio qualificado e destruição de cadáver em Rio Negro, município localizado a 144 quilômetros de Campo Grande, foram condenados a prisão de 26 e 21 anos cada um.

Veja Mais
Homem foge depois de agredir enteado e esposa grávida de cinco meses
Suspeito de integrar quadrilha que rouba gado em MS tenta fugir, mas é preso

Chelton Eugênio Vargas, pegou a pena de 26 anos e seis meses de reclusão, inicialmente em regime fechado, enquanto Nilton Ribarola Dias, foi condenado a de 21 anos e quatro meses e 15 dias de reclusão, também inicialmente em regime fechado.

Eles foram acusados de ter matado Waldiney Furquim Silva, em 18 de abril de 2010, por motivo fútil, meio cruel e utilizando-se de recurso que impossibilitou a defesa da vítima, além de terem destruído parcialmente o cadáver.

Segundo depoimentos, um dos réus teria bebido sangue da vítima e ingerido parte de seu crânio, tendo para isso provocado exposição da massa encefálica e o desfigurando completamente.

No crime, foram usados pedras, pedaço de madeira, canivete, barra de ferro e uma cavadeira. O julgamento aconteceu na comarca de São Gabriel do Oeste, na última quinta-feira (26).




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions