A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

22/01/2015 11:32

Avião não decola e passageiros enfrentam 240 km de ônibus

Helio de Freitas, de Dourados
Avião da Passaredo no aeroporto de Dourados; problema mecânico impediu decolagem na madrugada e companhia espera peça de São Paulo (Foto: Divulgação)Avião da Passaredo no aeroporto de Dourados; problema mecânico impediu decolagem na madrugada e companhia espera peça de São Paulo (Foto: Divulgação)

Passageiros que deveriam embarcar às 3h da madrugada desta quinta-feira no voo da Passaredo Linhas Aéreas em Dourados, com destino a Guarulhos (SP), tiveram de enfrentar uma viagem de 240 quilômetros e ficar quatro horas dentro de um micro-ônibus até Campo Grande porque a aeronave não conseguiu decolar do aeroporto da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul.

Veja Mais
Marido agride mulher com garrafada e se tranca em casa com medo da polícia
Domingo é de redação no segundo dia de prova do Enem em Paranaíba

O Campo Grande News apurou que o avião ATR com capacidade para 72 passageiros pousou por volta de 2h30 da madrugada no aeroporto municipal Francisco de Matos Pereira. Dezessete passageiros aguardavam para embarcar no mesmo avião, com destino a Guarulhos. Só que a aeronave teria apresentado um problema enquanto estava em solo e não conseguiu decolar.

O problema seria numa das baterias que alimentam a parte elétrica da aeronave. O avião permanece no aeroporto de Dourados à espera de uma peça nova. A aeronave trazendo a peça de São Paulo pousou por volta de 10h15 e o conserto já começou, conforme informou um funcionário do aeroporto.

Demora – Passageiros que aguardavam o embarque reclamam que a companhia aérea demorou mais de duas horas para informar que o voo tinha sido cancelado. “Simplesmente disseram que não tinha mais voo hoje e amanhã saindo de Dourados e que os passageiros tinham como opções o dinheiro de volta ou se acomodarem em voos saindo de Campo Grande”, contou o comerciante e atleta federado de boliche Reginaldo Morel Valdez, que está a caminho da capital paulista para disputar uma competição nacional.

Além de Reginaldo Morel, outros dois douradenses estão em viagem para participar da mesma competição de boliche – Marlene Bonacina e Chico Bonacina –, outros passageiros viajam a trabalho e no grupo tem até quem segue para a capital paulista para tratamento médico.

Uma passageira ficou hospedada pela companhia num hotel em Dourados, outro voltou para casa e 14 seguiram de micro-ônibus para a capital. Dois foram acomodados no voo da TAM que decola do aeroporto da capital às 14h30, os três atletas de boliche embarcam às 17h30 e nove pessoas viajam apenas amanhã. Vão passar o dia e a noite em Campo Grande, com as despesas pagas pela Passaredo.

A assessoria de imprensa da Passaredo foi procurada para falar sobre o caso e pediu que a reportagem encaminhasse a solicitação por e-mail. O pedido foi atendido, mas até às 11h30 a companhia aérea não havia se manifestado.

Junto com a Azul, Passaredo opera voos diários de Dourados para São Paulo, mas quando avião não decola passageiros são levados para a capital (Foto: Divulgação)Junto com a Azul, Passaredo opera voos diários de Dourados para São Paulo, mas quando avião não decola passageiros são levados para a capital (Foto: Divulgação)
Marido agride mulher com garrafada e se tranca em casa com medo da polícia
Mulher de 42 anos foi agredida pelo marido com uma garrafada no sábado (3), após ser vista conversando com as amigas em sua casa em Dourados, distant...
Domingo é de redação no segundo dia de prova do Enem em Paranaíba
Candidatos do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em Paranaíba, distante 422 quilômetros de Campo Grande, fazem neste domingo (4) as provas de reda...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions