A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

11/05/2015 23:40

Bebê morre no útero após peregrinação da família por atendimento em posto

Ricardo Campos Jr.

Um homem de 53 anos procurou a polícia depois que o filho dele nasceu morto no hospital de Fátima do Sul, a 246 quilômetros de Campo Grande. Ele reclama que a mulher já tinha passado dos nove meses de gestação e procurou a unidade de saúde várias vezes com dores, mas sempre ouvia que ainda não estava no momento do parto e recebia alta.

Veja Mais
Bebê morre e família acusa equipe do Hospital Regional de negligência
Bebê morre depois de ser derrubado de cama pelo padrasto

Conforme o boletim de ocorrência, o pai alega que todos os exames pré-natais foram realizados. A peregrinação da família começou no dia 5 deste mês, quando a gestante passou por um ultrasson e foi informada que o bebê nasceria até o fim da semana.

No último sábado, o homem levou a esposa duas vezes ao hospital, mas ela foi medicada e liberada. No dia seguinte, ela passou mal outras duas vezes. Em uma delas, a médica orientou o casal a marcar o tempo de contração e deu alta.

Hoje pela manhã, a mulher deu entrada novamente no hospital por volta das 8h, mas só foi atendida às 10h30, quando foi concluído por exames que o feto estava morto. As causas da morte não foram justificadas pela equipe que atendeu a paciente. O caso foi levado ao conhecimento da polícia para que seja investigado e foi registrado como morte a esclarecer.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions