A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

30/09/2013 08:17

Camapuã, a Capital do Bezerro, completa 65 anos nesta segunda-feira

Bruno Chaves
Nome Camapuã é de origem tupi-guarani e significa Seios Grandes (Foto: Arquivo/Campo Grande News)Nome Camapuã é de origem tupi-guarani e significa Seios Grandes (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Segunda-Feira (30) de aniversário em Camapuã. Conhecida como a Capital do Bezerro, por causa da força da pecuária no município, a cidade de mais de 6 mil quilômetros quadrados e com 13.625 habitantes, de acordo com o censo de 2010 do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), completa 65 de emancipação político-administrativa hoje.

Veja Mais
Pecuarista é multado em R$ 15 mil por desmatar 14 hectares de fazenda
Com investimento de R$ 650 milhões, cooperativa lança duas unidades em MS

De origem tupi-guarani, com significado de “Seios Erguidos” ou “Peitos Redondos”, por causa de dois morros da região, Camapuã tem uma história que remete a 1593, com a chegada de jesuítas espanhóis, procedentes de Guaíra, que subiram os Rios Paraná e Pardo e se estabeleceram, com uma Redução, à margem esquerda do Ribeirão Camapuã, a três quilômetros da atual cidade.

Ainda de acordo com o IBGE, por volta de 1630, bandeirantes paulistas destruíram a Redução e transformaram o local em um simples pouso daqueles que exploravam às minas de ouro de Cuiabá.

Passada a febre do ouro e da penetração das bandeiras, a região ficou em completo abandono. Só no início do século XX, a região começou a ser povoada. Em 1921, o Governo do Estado autorizou a reserva ou desapropriação de 3.600 hectares para a formação do distrito de Camapuã, no município de Coxim.

A primeira casa foi erguida em 1924. O primeiro morador, João da Motta, também construiu a primeira igreja da cidade coma intenção de transformar a localidade em um grande núcleo populacional.

Só em 1948 o distrito foi elevado à categoria de município, de acordo com a Lei nº 134, de 30 de setembro de 1948. Atualmente, Camapuã tem o  PIB (Produto Interno Bruto), a soma de todas as riquezas produzidas pelo município, de R$ 25,2 milhões.

Apesar de a pecuária ser forte na cidade, que é conhecida como a Capital do Bezerro, a maior representatividade de Camapuã vem das riquezas do setor de serviços, com PIB de R$ 109.207,00; setor de agropecuária, com PIB de R$ 90.096,00; e setor de indústria, com PIB de R$ 13.972,00.




Que orgulho poder ver minha cidade natal como "Capital do Bezerro de Qualidade"! Orgulho também por ser Camapuanense. Parabéns a todos...
 
Eloiza Carvalho Gonçalves em 30/09/2013 17:11:35
Parabéns minha querida Camapuã!!! Minha terra natal...da qual muito me orgulho *-*
 
Rodrigo Oliveira em 30/09/2013 16:28:05
Me expliquem uma coisa, como é que somando esses PIBs por setor, voçês chegaram a essa soma de R$ 25,2 milhões no PIB total?
 
Antônio Calloni em 30/09/2013 16:06:30
PARABÉNS MINHA QUERIDA CAMAPUÃ.....MINHA CIDADE NATAL *-*
 
jacqueline madruga em 30/09/2013 15:12:51
Parabéns a todos nós cidadãos Camapuanenses!!!!
Eh Camapuã...
 
Euller Martins Domingues em 30/09/2013 13:57:22
Parabéns pra minha querida terra natal.....
 
Iranildo Ferreira de Souza em 30/09/2013 11:28:57
parabens querida CAMAPUÃ
 
maria fatima a s costa em 30/09/2013 09:34:25
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions