A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

22/08/2011 10:38

Casal de húngaros é preso com 3 quilos de cocaína na BR-262

Francisco Júnior

Casal será encaminhado para o presídio de Corumbá

Policiais do DOF (Departamento de Operações da Fronteira) prenderam um casal de húngaros com 3,7 quilos de cocaína na noite do último sábado, na BR-262, na região de Corumbá.

De acordo com a polícia, o homem de 22 anos e a mulher de 21 anos seguiam de ônibus para Campo Grande. A droga adquirida na Bolívia estava na bagagem deles. Após o flagrante, os policiais encaminharam os dois para a delegacia da Polícia Federal de Corumbá.

Para interrogá-los, o delegado responsável pela investigação contou com a ajuda de um interprete da Embaixada da Hungria no Brasil.

Em depoimento, o casal revelou que foi contratado na Espanha e que levaria para lá as porções da droga. Eles não revelaram o valor que receberiam pelo transporte da cocaína.

Os dois serão encaminhados para o presídio de Corumbá.

Trabalhador morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...
Ciclista morre ao ser atingido por vários tiros disparados por dupla em moto
Wellington Ronaldo de Souza, 34, foi morto a tiros ao ser abordado por dois homens que estavam em uma moto. O homicídio aconteceu às 20h30 de domingo...



Concordo com a neyde de oliveira,pois de alguma forma eles se comunicaram p comprar droga,pois tenho certeza q traficante ñ fala Húngaro.....DEIXE ELES ´PASSAREM UMA NOITE COMO NOSSA GLORIOSA POLICIA MILITAR Q GARANTO Q ELES VÃO FALAR PORTUGUES FLUENTEMENTE,POIS NOSSOS POLICIAS TEM TÉCNICA DE CONVENCIMENTO ÓTIMA....
 
joão marcos em 23/08/2011 09:53:25
Droga é igual carrapato,quando mata um,o sangue distribui mil,e a praga aumenta outro tanto,tem que combater quem usa tambem, do contrario nunca sera vencida.tem que prender o usuario em clinica tipo cadeia e obrigar a se tratar.
 
Aurelio Batista em 22/08/2011 11:34:26
Concordo na íntegra com Aurélio Batista.
Só uma pergunta, a PF teve tanta dificuldade para comunicar-se com o casal. Mas como esses dois conseguiram entrar no país, comprar o entorpecente, com certeza passaram noites no Brasil e alimentaram-se? de alguma forma aconteceu algum tipo de comunicação. Esse povo que mexe com Drogas é bicho do cão, independente da nacionalidade. Essa história de só falar o idioma deles, esta parecendo conversa fiada, só apertar mais que sai alguma coisa. rs,rs,rs...
 
neyde de oliveira em 22/08/2011 08:15:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions