A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

14/10/2015 08:54

Caseiro é assassinado em sítio próximo a local de outro crime

Homem de 34 anos levou dois tiros ao abrir a porta para desconhecidos em um sítio na BR-463; caminhonete foi roubada

Helio de Freitas, de Dourados
Policiais verificam local onde caseiro caiu após ser atingido por tiros, na madrugada desta quarta (Foto: Osvaldo Duarte/Dourados News)Policiais verificam local onde caseiro caiu após ser atingido por tiros, na madrugada desta quarta (Foto: Osvaldo Duarte/Dourados News)

O caseiro Josias Leiva, 34, foi morto com dois tiros na madrugada desta quarta-feira em Dourados, a 233 km de Campo Grande. A polícia suspeita de latrocínio, já que uma caminhonete foi levada do local e abandonada no município de Caarapó após ser interceptada por policiais rodoviários federais.

Veja Mais
Homem de 31 anos é baleado no peito por falso policial
Pajero com 5 passageiros sai da pista, capota e “sobe” em poste de energia

Existem suspeitas de que Josias tenha sido morto pelos mesmos homens que minutos antes feriram a tiros José Ricardo da Silva, 31, em uma casa na mesma região do latrocínio.

Pediram água – De acordo com a polícia, Josias Leiva foi morto na Estância B, localizada na margem da BR-463, que liga Dourados a Ponta Porã. Por volta de 4h da madrugada, dois homens teriam chegado ao local e bateram na porta, pedindo água.

Quando abriu a porta para mostrar aos desconhecidos onde ficava a torneira, o caseiro foi atingido com dois tiros. Ele ainda tentou trancar a porta, mas caiu e morreu no local. Os criminosos levaram uma caminhonete F-1000 cinza, ano 90, placa CIY-8187, de Ponta Porã.

Além de Josias, estavam na casa a mulher do caseiro, 25 anos, dois filhos, de 12 e 11 anos, um sobrinho de 4 anos e a sogra da vítima, de 55 anos.

Entre os municípios de Caarapó e Juti, na BR-163, um policial rodoviário federal tentou abordar a caminhonete e chegou a trocar tiros com os ocupantes. Logo em seguidas a F-1000 foi encontrada por policiais militares abandonada no município de Caarapó.

Policiais de Dourados investigam a suspeita de que os bandidos tentaram cometer o assalto na casa de José Ricardo da Silva e depois foram até a estância onde mataram Josias Leiva. A primeira vítima foi socorrida ao Hospital da Vida e continua em estado grave.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions