A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

09/10/2015 17:18

Cerca de 2 toneladas de mercadorias avaliadas em R$ 200 mil são apreendidas

Renata Volpe Haddad
As mercadorias são vestuários com marcas falsificadas, bolsas e artesanatos que estavam distribuídos em fardos e seriam levados para São Paulo. (Foto: Receita Federal/ Divulgação)As mercadorias são vestuários com marcas falsificadas, bolsas e artesanatos que estavam distribuídos em fardos e seriam levados para São Paulo. (Foto: Receita Federal/ Divulgação)

Cerca de duas toneladas de mercadorias trazidas da Bolívia que estavam em uma casa que servia de depósito, foram apreendidas pela Receita Federal de Corumbá, distante 419 km de Campo Grande, nesta sexta-feira (9). Sete pessoas, sendo cinco peruanos, uma boliviana e um brasileiro, foram detidas.

Veja Mais
Pistoleiro preso “some” e prefeito de Pedro Juan cobra polícia paraguaia
Morre menina de 11 meses ferida após carro da família capotar em rodovia

Segundo informações do Diário Corumbaense, a casa está localizada na alameda Laranjeiras, no bairro Dom Bosco, que servia como depósito e nos fundos de um bar, que fica ao lado da residência.

Auditores fiscais e analistas tributários da Receita, estavam investigando a movimentação do grupo que trouxe a mercadoria para o Brasil. Conforme o auditor fiscal Thiago Lessa afirmou ao Diário Corumbaense, na casa foram encontrados 1 mil 150 quilos de mercadorias e nos fundos do bar, mais 850 quilos, totalizando 2 toneladas,

As mercadorias são vestuários com marcas falsificadas, bolsas e artesanatos que estavam distribuídos em fardos e seriam levados para São Paulo. O valor da carga foi estimado em R$ 200 mil.

As sete pessoas detidas foram levadas para a Delegacia da Polícia Federal, e serão autuadas em flagrante por contrabando, e a pena é de 2 a 5 anos de prisão em caso de condenação, e por descaminho, que prevê pena de 1 a 4 anos de detenção.

Morre menina de 11 meses ferida após carro da família capotar em rodovia
Sofia de Almeida Flores, de 11 meses de vida, morreu na madrugada de hoje (5) em Dourados, a 233 km de Campo Grande, após ficar ferida em acidente oc...
Homem de 33 anos é morto com golpes de facão e foice em fazenda invadida
Um homem de 33 anos foi morto a golpes de facão e de foice durante uma briga envolvendo índios na fazenda Novilho, município de Caarapó, a 283 km de ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions