A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

18/01/2011 13:57

Cliente diz que matou mecânico por ter sido destratado

Danúbia Burema

Rapaz foi preso quando tentava deixar a cidade

Cliente confessou ter matado mecânico após desentendimento. (Foto: Caarapó News)Cliente confessou ter matado mecânico após desentendimento. (Foto: Caarapó News)

Preso nesta manhã após matar o mecânico Wilson Pavesi, de 38 anos, Marcelo Alvarenga Claro, de 27 anos, confessou o crime e disse que a motivação foi um desacordo comercial durante o qual ele foi destratado pela vitima na frente de outras pessoas. O crime ocorreu em Caarapó, a 283 quilômetros de Campo Grande.

A justificativa para o crime foi dada em entrevista ao site Caarapó News. Na delegacia, Marcelo detalhou que após o desentendimento, foi à sua casa buscar a arma com a qual matou a vítima.

O mecânico levou cinco tiros quando estava em frente à sua oficina. Os disparos atingiram o peito, braço e cabeça dele.

Wilson chegou a ser socorrido por funcionários da mecânica, mas morreu ao dar entrada no hospital.

Após o crime, Marcelo foi preso pela Polícia Militar quando tentava deixar a cidade de moto-táxi. (Com informações do site Caarapó News)




Concordo com o Milton Palacio, porque chega dessa história de depois que o sujeito morre, vira anjo. Sabe lá a humilhação a que esse rapaz foi submetido. Nem todo mundo tem sangue de barata, é bom que se saiba. Em que o senhor Paulo Gonçalves se baseia p afirmar que se tratava de calote? Ele conhecia os envolvidos, presenciou a discussão?
Outras pessoas presenciaram, cabe a elas agora relatarem à Justiça o que sabem sobre o ocorrido. De qq forma, a vida desse rapaz, o Marcelo, já foi estragada. Ele terá que amargar longos anos de cadeia e depois que sair, dificilmente as coisas serão como antes. Bons tempos aqueles em que crimes de honra não mandavam p a prisão.
 
Marly Siqueira Caramalack em 19/01/2011 07:19:08
O trabalhador tem que prestar serviço, levar calote e ficar quieto. Não há lei para desequilibrados que andam armados e resolvem tudo na base da violência. Só quem ta vivo tem direito a se defender.
 
Paulo Gonçalves em 18/01/2011 07:19:15
Não vou dizer que atitude do mesmo esta correto.Mas por outro lado o cidadão que se da ao luixo de teruma empresa teria que buscar evolução em todo aspecto.Pois existe varias pessoas desiquilibrada so por que acha que é dono de um buteco ele pode desacata qualquer um. Esse que desencarnou em outra encarnação vai pensar duas veses antes de cantar de galo.
 
Milton Jose Palacio em 18/01/2011 04:23:25
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions