A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

14/03/2013 19:51

Clínica de reabilitação é fechada pela Polícia Civil e Vigilância Sanitária

Nyelder Rodrigues

A polícia fechou nesta quinta-feira (14) em Dourados uma clínica de recuperação de dependentes químicos que funcionava sem autorização.

Veja Mais
Fiems pede que governo mantenha contratos de incentivos fiscais
Reinaldo chega a Dourados para lançamento e entregas de obras

Ao todo, a clínica abrigava 30 internos, sendo que um deles tinha mandado de prisão em aberto por falta de pagamento de pensão alimentícia.

Outros nove internos tinham passagem por roubo. Conforme a Polícia Civil, havia denúncias que autores de delitos buscavam na clínica refúgio, alegando que precisavam de recuperação.

Na semana passada, a clínica, que tem vínculo com a Igreja Evangélica Missionária da Última Hora, foi notificada a desocupar o local e suspender as atividades. Entretanto, a determinação não foi cumprida.

Além da polícia, a Vigilância Sanitária também foi ao local, e verificou que o local mantinha lixo exposto e alimentos, como carnes a pães, estragados na cozinha, o que atraia várias moscas e deixava mau cheiro. Todos os produtos estragados e fora do prazo de validade foram recolhidos pela Vigilância Sanitária.

Já as duas pastoras que mantém o local tiveram que prestar esclarecimentos à polícia, e também podem responder por exercício ilegal de profissão. Elas afirmaram que estavam providenciando a documentação para legalizar a atividade da clínica.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions