A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

25/02/2015 10:39

Com mais de 5 mil caminhões parados, motoristas liberam BR-163

Viviane Oliveira
Segundo o sindicato, no local havia mais de 5 mil caminhões parados. (Foto: do Idest, JWC) Segundo o sindicato, no local havia mais de 5 mil caminhões parados. (Foto: do Idest, JWC)

Os manifestantes que bloqueavam, há mais de 24h, o quilômetro 614 da BR-163 em São Gabriel do Oeste, distante 140 quilômetros de Campo Grande, liberaram por volta das 9h30 o tráfego na rodovia. O protesto é feito por caminheiros e proprietários de transportadoras principalmente contra o alto preço do diesel. 

Veja Mais
Justiça manda caminhoneiro liberar rodovia e fixa multa de R$ 10 mil a hora
Com bloqueio das rodovias, hortifrútis estragam e ficam 30% mais caros

O congestionamento de caminhões na rodovia já alcançava cerca de seis quilômetros no sentido Sul e aproximadamente um quilômetro para o Norte, de acordo com o site Idest. Ao site, os manifestantes disseram que vão permanecer as margens da rodovia.

O presidente do Sindicato dos Caminhoneiros Autônomos, Osni Belinati, informou que os manifestantes voltam a fechar a rodovia após o meio-dia. “Os motoristas liberaram, porque tinham mais de 5 mil caminhões parados e eles precisavam se alimentar”, diz.

Reivindicação - Desde sábado (21), caminhoneiros bloqueiam rodovias de Mato Grosso do Sul em protesto pela diminuição da pauta fiscal sobre o óleo diesel. Entre as reivindicações ainda estão a redução do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) de 17% para 12% e a revogação da portaria do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) que estabelece a obrigatoriedade na vistoria em veículos com mais de cinco anos.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions