A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

10/05/2011 20:01

Coordenador Regional da Funai é liberado pelos índios após negociação

Paula Maciulevicius

Chefe de Meio Ambiente da Fundação também foi solto

O coordenador regional da Funai (Fundação Nacional do Índio), Edson Fagundes, e o chefe de Meio Ambiente da Fundação, Ricardo Araújo, foram liberados no começo da noite de hoje, depois de ficarem reféns de índios de etnia terena na Fazenda Buriti, a 30 quilômetros de Sidrolândia.

A equipe da Polícia Federal, que esteve no local acompanhando a negociação, retornou a Campo Grande. Edson Fagundes e Ricardo Araújo estão a caminho da Capital depois de ficarem rendidos desde ontem.

Na tarde de hoje, uma equipe da PM (Polícia Militar) do distrito de Quebra Coco foi até o local. Segundo a Polícia, a situação estava difícil e os índios, revoltados, armados com arco e flecha, foices e arpões.

Segundo informações, Edson ficou refém por querer trocar o coordenador das aldeias em Sidrolândia e Dois Irmãos do Buriti, Samuel Dias, para colocar um parente.

Os índios da etnia terena não aceitavam a troca e pediam a permanência do coordenador atual ou a substituição pelo professor Maioque da aldeia Tereré ou Argeu Reginaldo, da aldeia Água Azul.

Esta é a segunda represália feita pelos índios para a substituição de Samuel Dias. Em março no ano passado, dois funcionários da Funai também foram feitos reféns, porque os índios da reserva queriam que Argeu Reginaldo assumisse a coordenação. Os índios só liberaram os dois homens depois de uma negociação com a diretoria do órgão.

Coordenador da Funai continua refém em aldeia por querer trocar chefe de posto
Índios só liberam Edson Fagundes se a substituição for por um dos candidatos da aldeia O coordenador regional da Funai/MS (Fundação Nacional do Índi...
Coordenador da Funai é feito refém por índios da aldeia Buriti
Polícia Federal foi acionadaÍndios da etnia terena mantêm como refém desde ontem (9) o coordenador regional da Funai/MS (Fundação Nacional do Índio)...
Morre menina de 11 meses ferida após carro da família capotar em rodovia
Sofia de Almeida Flores, de 11 meses de vida, morreu na madrugada de hoje (5) em Dourados, a 233 km de Campo Grande, após ficar ferida em acidente oc...



Me refiro a crfitica acima, concordo que existem varrias situaçoes a serem ajustadas, com certeza tudo isso sao consequencia do voto inconseq iuente, se votamos errado, elegemos representantes despreparados para nos representar e criar leis ,no municipio no estado e na camara federal. Fica facil criticar quando nao se observa a pricipal causa dos problemas, Indios,negros, brancos, sem terra quem quer que seja sao vitimas do quadro politico em que vivemos. A grande pergunta é em toda essa situaçao quem é o maior culpado? Abraços!
 
Teófilo de Almeida em 06/06/2011 10:12:23
Eles sequestram, fazem reféns e, todos obedecem o que mandam. Se querem igualdade social, os mesmos primeiro devem term deveres iguais, cumprirem as leis.
Eles invadem propriedades, sequestram, torturam, saqueiam, roubam, e a lei está do lado deles. É mais vantajoso hj ser politico, indio ou preso, pois teremos toda a lei do nosso lado e nenhum processo. Tudo que querem conseguem, é igual sem-terras, cometem crimes e não são punidos.
 
Kamél El Kadri em 10/05/2011 09:27:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions