A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

12/04/2011 16:16

Caminhoneiro é preso após forçar ultrapassagem e quase causar acidente

Nadyenka Castro

Delegado viu a cena e fez a prisão

O caminhoneiro Almir Calistro, 37 anos, foi preso por volta das 11 horas desta terça-feira após forçar uma ultrapassagem e quase causar um acidente, na BR-163, em Caarapó, a 283 quilômetros de Campo Grande.

Ele foi preso pelo delegado de Polícia Civil do município, Benjamin Lax, 33 anos, que seguia atrás do caminhão, em uma viatura caracterizada.

O delegado conta que voltava de Dourados, onde tinha ido a trabalho e nas proximidades do distrito de Nova América, testemunhou a direção perigosa.

Segundo Benjamin, à frente dele seguia o veículo conduzido por Almir e um outro também longo. O caminhoneiro então abriu para ultrapassar, mas o motorista do veículo da frente sinalizou indicando que vinha outro carro no sentido contrário e mesmo assim Almir fez a a ultrapassagem.

”Era uma reta. O caminhão tirou para a esquerda e assim que emparelhou com o outro veículo o motorista deu seta para esquerda indicando que vinha carro, mas ele [Almir] continuou acelerando”, conta o delegado.

Conforme Benjamin, o caminhão só não colidiu de frente com o carro de passeio porque o condutor deste jogou o automóvel para fora da rodovia.

O caminhoneiro não fez ultrapassagem indevida, pois a manobra era permitida no local. No entanto, fez de forma arriscada, com risco de causar acidente, pois chovia muito no momento, na pista não tem acostamento e ainda o condutor do veículo a ser ultrapassado sinalizou que vinha carro.

”O crime foi a imprudência”, disse o delegado, que abordou Almir após seguir atrás dele por 15 quilômetros, até a área urbana de Caarapó.

De acordo com Benjamin, o caminhoneiro declarou que havia saído do Mato Grosso e seguia para Curitiba, Paraná.

A documentação do veículo estava correta e Almir não estava embriagado. Ele foi ouvido e liberado para responder em liberdade pela contravenção penal de direção perigosa de veículo em via pública.

Acidentes- Muitos acidentes de trânsito são causados pela imprudência de motoristas, principalmente no momento das ultrapassagens.

A colisão ocorrida na tarde dessa segunda-feira, na BR-163, perto do distrito de Anhanduí, em Campo Grande, aconteceu quando o motorista da Montana, Rodrigo Curado Ribeiro, 33 anos, tentava ultrapassar um veículo.

A Montana bateu de frente com o Fiat Palio dirigido por Claudemir Mercadante, que morreu no local do acidente. Outras duas pessoas que estavam no carro ficaram feridas, assim como Rodrigo.

Bombeiros em socorro a motorista da Montana. (Foto: João Garrigó)Bombeiros em socorro a motorista da Montana. (Foto: João Garrigó)
Fiat Palio ficou completamente destruído. (Foto: João Garrigó)Fiat Palio ficou completamente destruído. (Foto: João Garrigó)



Como o sentido de moral está mudado em nosso país, agora temos que ficar parabenizando pessoas que cumprem o seu serviço, e que ganham pra isso. É o fim da picada.
 
francisco prado em 13/04/2011 09:57:32
muito obrigado - DELTA ROMEU ...... O estado pode até não te reconhecer pelo seu ato mais a população sim .valeu
 
wagner G Miranda em 13/04/2011 09:39:53
Parabéns, Senhor Delegado. O senhor é o típico guardião dos interesses da coletividade, o qual desejamos, ou seja, remunera-se pelos cofres públicos e o faz jus. Espero que o cidadão Almir reflita sobre o ocorrido e passe a observar com mais atenção as regras de direção.
 
Edson Fossati Chaves em 13/04/2011 09:33:42
Muitos caminhoneiros são verdadeiros criminosos, e não estão preocupados com a vida de outros condutores.
 
adilson gonçalves da silva em 13/04/2011 08:02:24
Se todas as autoridades que andam, em nossas rodovias tivessem a ação desse Delegado, evitariamos muitos acidentes!!!Muito obrigado pela atitude deste Delegado,que ele continue sempre assim servindo de exemplo!!!
 
Helder Araujo em 13/04/2011 07:48:20
Parabéns ao Delegado. Agora se a Polícia Rodoviária Federal, fizesse o mesmo, com certeza milhares de vidas seriam salvas.
 
Cláudio Souza em 13/04/2011 07:34:51
Viajo sempre pelas estradas do MS e é uma constante a imprudência dos caminhoneiros, andam em alta velocidade e não respeitam ninguém e é difícil encontrar policiamento.
 
Marco de CG em 13/04/2011 07:18:15
É curioso que a rara prisão de um motorista imprudente na BR-163 tenha sido feita por um delegado da polícia civil. Quem trafega pela estrada sabe que a polícia rodoviária só sai dos postos para recolher os corpos, após os acidentes. Em uma rodovia onde o excesso de velocidade é regra e as imprudências são frequentes, por que a PRF não faz ações de fiscalização?
 
Luiz Guilherme em 12/04/2011 11:37:02
nas cidades os motoqueiros fazem isso com frequencia e so obiservar pra ver ele nao ta nem ai depois quer ter direito ainda
 
carlos alberto cabral da silva em 12/04/2011 11:27:26
eu desejo muita felicidade a esse delegado que com sua altoridade fez valer o direito das pessoas que anda certo e puniu o infrator porque todas as vezes que isso acontecer nao aparecem um delegado para punilo tinha que fazer um cidadao dese pagar uma multa bem alta pra nunca mais ele fazer isso pois quando doi no bolsso o cidadao pessa duas vezes na acha
 
carlos alberto cabral da silva em 12/04/2011 11:24:56
Parabéns pela atitude Delegado!
Gostaria de saber aonde posso me queixar
sobre camioneiros que cometem este tipo de infração
colocando em risco inumeras pessoas.
Pois quando isto ocorre, deveria ter uma linha ou um
ponto para informar a ocorrência.

 
Vanderson Fávaro em 12/04/2011 08:25:43
Parabéns ao nobre delegado pela atitude e cumprimento do dever , aguardou o momento certo e dentro da sua jurisdição parou o caminhão dando voz de prisão ao motorista irresponsável.
 
Ricardo Thomazini em 12/04/2011 07:44:03
Parabens ao Delegado Benjamin Lax, honrou o salario arduo que recebe mensalmente...seu exemplo deve ser seguido por seus iguais.
Humberto Tadeu
 
Humberto Tadeu Borges Daniel Araujo em 12/04/2011 07:17:05
E mais um parabéns ao delegado, e que toda a autoridade - inclusive a do cidadão - fosse usada no momento exato conforme citou Anahche "a autoridade policial deve (prender/apreender em flagrante delito) e qualquer um do povo pode (prender/apreender em flagrante delito)".
Porém, normalmente ninguém quer se envolver, e com razão, é chato e arriscado, pois os mal feitor normalmente só reconhece a força do Estado por meio das armas - nem os distintivos as vezes reconhece, imaginem que vai reconhecer a autoridade do cidadão, que embora seja a maior; por experiência, é preciso saber agir.
Mas sempre que possível, agir de alguma forma para tirar esses assassinos das vias públicas.
Pois quem não teve educação no berço, nem princípio de ética social, nunca terá respeito, e sua ética será sempre de atropelar e “levar vantagem”;
Então terá que tê-la pela ordem legal;
É isso ai Delegado, o Estado foi feito para isso, pois sem ele seria o caos total, e feliz daquele Estado que tem agentes éticos, que agem no momento exato e em consonância com seu dever, sem vistas grossas. Mas uma vez parabéns.
 
Wanderley L Bambil em 12/04/2011 06:25:16
se tivesse uns dez delegados como este de caarapo.
 
roberto dos santos braga em 12/04/2011 06:11:41
parabens delegado.
 
silvio lopes em 12/04/2011 06:09:36
Certa vez indo para o interior, sentido Campo Grande/Dourados, me deparei com uma fila de umas 5 carretas e mais uns 12 carros baixos à minha frente.... Atrás de mim tinham mais cerca de 10 carros baixos, do nada um cara tira o carro pro acostamento e sai "costurando" todo mundo... Sorte dele que não havia nenhum posto da Polícia Rodoviária Federal à frente, pois eu teria parado e mesmo que atrasasse a viagem eu teria feito uma denúncia do mesmo ao órgão... Muitos acidentes acontecem pela falta de responsabilidade de certos indivíduos que tem habilitação mas não são conscientes de seu papel no trânsito, porque, rodovias em boas condições estamos tendo!!!
 
Willian Salviano em 12/04/2011 05:57:29
Ah se pudéssemos ter um delegado desse prá cada motorista imprudente. O certo seria que esses motoristas jamais pegassem no volante novamente.
 
Maria Lúcia Moreira em 12/04/2011 05:40:21
Meus parabens, este delegado é dos bons,é isso ai dr.as rodovias estão cheia destes inrresponsaveis,eu já passei muitos sufoco,eles dão sinal de luz a agente que esta em carro pequeno temos que se virar,jogar no acostamento,não exemplam todos os dias é acidente e mais acidentes ´por estas ultrapassagens forçadas, obrigado dr.continua assim. obrigado.
 
Dorvalino Afonso Vilela em 12/04/2011 05:33:24
Parabéns ao delegado, mais o caminhoneiro deveria passar pelo menos uns dois dias em cana, ai aprende a andar na linha.
 
Oswaldo Benites em 12/04/2011 05:31:17
Parabéns esse é o meu Delegado.
 
Marcelo Matos em 12/04/2011 05:26:44
Louco é quem dá emprego para um individuo deste, que põem em risco vidas, caminhão e carga.
 
Angelo Fantini em 12/04/2011 05:23:12
Já presenciei fatos idênticos, não só nessa rodovia (BR-163) mas, também, em outras de mão dupla.
Dirigindo, vi carros de passeio terem que ser jogados para o acostamento - muitas vezes em precárias condições de tráfego -, pelos seus motoristas, devido a essas manobras de alguns caminhoneiros que, infelizmente, insistem em ultrapassagens sem condições de segurança, para eles próprios e para terceiros.
Louvável a atitude do delegado citado.
É bom lembrar que "a autoridade policial deve (prender/apreender em flagrante delito) e qualquer um do povo pode (prender/apreender em flagrante delito)".
Educação no trânsito e respeito à vida humana evitariam muitos acidentes, com mortos e feridos, nas nossas rodovias.
 
Armando de Amorim Anache em 12/04/2011 05:01:50
Eu como cidadão,gostaria de dar os parabéns, a este Delegado,isto já aconteceu comigo,a maioria dos caminhões,não são todos é claro, mais a maioria,fazem isto,quando não estão drogados ou alcolizados. Graças ao bom Deus que este ilustre Delegado,trafegava por esta rodovia neste instante, mais uma vez parabéns e longa vida para o senhor. Deus abençõe sempre.
 
João Teixeira Júnior em 12/04/2011 04:56:30
Parabéns a este delegado... só nós que trafegamos pela 163 constantemente sabemos que isso é prática comum de alguns caminhoneiros...se não abrir bate de frente..
 
Túlio Mourão em 12/04/2011 04:49:57
Isso acontece direto, principalmente quando quem vem na via contrária é uma moto. Abrem pra podar e jogam sinal de luz pra vc sair da frente.
Gostei da atitude desse delegado, parabéns! Não vai dar nada pra esse monstrorista, mas o susto de assinar BO já deve fazer ele andar na linha e respeitar os outros de veiculos menores.
 
Jean Carlos dos Santos em 12/04/2011 04:32:01
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions