A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 17 de Janeiro de 2017

05/11/2011 00:34

Detentos aprendem a fazer produtos de limpeza em presídio

Paulo Fernandes
Presidiários aprenderam a fazer detergentes, amaciantes e sabão em pó (Foto: Agepen / Divulgação)Presidiários aprenderam a fazer detergentes, amaciantes e sabão em pó (Foto: Agepen / Divulgação)

Treze internos do Estabelecimento Penal de Rio Brilhante receberam, nesta semana, treinamento para fabricar produtos de limpeza.

Veja Mais
Justiça determina que Sanesul repare danos em erosão causada por vazamento
Chuva alaga ruas em Paranaíba e deixa até camionete submersa em Chapadão

Utilizando materiais como soda, sebo derretido e essências, eles produzem de detergentes e amaciantes a sabão em pó.

A capacitação foi realizada por meio de uma pareceria entre a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul) e o Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural).

Em entrevista ao site governamental Noticias.MS, o diretor do Estabelecimento Penal, Manoel Machado da Silva, contou que a ideia é criar um setor no presídio somente para a produção de materiais de limpeza.

“Assim, utilizaremos na unidade penal o que for produzido e ainda estaremos dando ocupação produtiva aos internos”, disse.

Base dos Bombeiros com 8 militares deve ser implantada até o meio do ano
Rio Brilhante - cidade localizada a 163 km de Campo Grande - deve ganhar em breve uma base do Corpo de Bombeiros. Foi publicado no DOE-MS (Diário Ofi...
Investimento em recuperação de rodovias no MS será de R$ 185,9 milhões
O Governo do Estado deve investir R$ 185,9 milhões para recuperar trechos das rodovias MS-156, MS-379 e MS-470, que ficam em maior parte na região de...



Seria muito bom se todos os presídios tivessem uma industria, para ocupar o tempo ocioso de detentoe e tornartem os produtivos. O ideal sería fabricas de tijolos ecológico, que poderia ser utilizado para construir casas populares p/ pessoas de baixa renda, isto não só ocuparía o tempo como tambem, impunha obrigação ao presidiário deixaria de oferecer prejuizo a sociedade e despoluir o m.ambiente.
 
porfirio vilela em 05/11/2011 11:41:16
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions