A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Janeiro de 2017

06/10/2015 19:07

Dia das Crianças coloca 102 presos nas ruas e comandante da PM protesta

Internos que estão no semiaberto saíram nesta terça-feira e só precisam voltar ao presídio na semana que vem; PM alerta população sobre aumento de roubos e furtos na cidade

Helio de Freitas, de Dourados

O indulto do Dia das Crianças colocou em liberdade nesta terça-feira (6), em Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande, 102 detentos do regime semiaberto, que só precisarão voltar para a unidade na semana que vem. O indulto é previsto na Lei de Execuções Penais e beneficia internos com bom comportamento.

Apesar de ocorrer sempre nesta época do ano e no Natal, o indulto foi alvo de críticas do comandante da Polícia Militar na segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul, tenente-coronel Carlos Silva.

“Temos de avisar aos cidadãos de Dourados que a partir de hoje teremos 108 detentos com o chamado indulto do Dia das Crianças. Solicitamos que a sociedade redobre os cuidados com a segurança. Fiquem mais atentos e nos avisem em caso de pessoas em atitudes suspeitas próximo a residências, trabalho e locais de estacionamento de veículos. Os crimes de roubo e furto aumentam muito durante estes indultos”, afirmou.

Desabafo – “Infelizmente às vezes sentimo-nos enxugando gelo, um grande bloco de gelo. As leis deste país deveriam proteger o cidadão de bem, mas infelizmente só dão garantias aos que se colocam às margens dela”, escreveu Carlos Silva em um grupo da rede social WatsApp, usado pela Polícia Militar para divulgar informações à imprensa.

Segundo o comandante, atualmente a preocupação não é mais com o fato de o detento voltar ou não para a prisão após o indulto. “Isso é o de menos. Nesse período, alguns aproveitam para roubar, matar e furtar e depois voltam para a segurança da cadeia”.

Segundo Carlos Silva, serão duas turmas beneficiadas com o indulto, os 102 de hoje e outro grupo que sai na semana que vem.

Indígena de 21 anos é assassinado com facada no peito em aldeia
Um indígena de 21 anos foi morto no início da noite desta sexta-feira (20) após ser atingido com uma facada no peito, na aldeia Amambai, em Amambai -...
Homem com facão faz três pessoas da mesma família como reféns em casa
Três pessoas foram feitas reféns em uma casa na rua Rio de Janeiro, Centro de Sidrolândia - cidade localizada a 71 km de Campo Grande -, na manhã des...
UEMS recebe a partir de segunda-feira congresso de pesquisadores negros
A UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) de Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - recebe entre segunda-feira (23) e sáb...



se o indulto é do dia das crianças, por que não libera-los SÓ no dia das crianças?
 
Alex André de Souza em 07/10/2015 09:20:56
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions