A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

11/09/2015 12:08

Em encontro regional, TCE orienta municípios sobre responsabilidade fiscal

Evento promovido pela Escola Superior de Controle Externo acontece nesta sexta-feira e reúne representantes de 13 municípios

Helio de Freitas, de Dourados
Encontro promovido pelo TCE reúne representantes de 13 municípios em Dourados (Foto: Eliel Oliveira)Encontro promovido pelo TCE reúne representantes de 13 municípios em Dourados (Foto: Eliel Oliveira)

Prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, secretários municipais e servidores dos 13 municípios da região participam nesta sexta-feira (11) em Dourados, a 233 km de Campo Grande, do encontro “Tecendo o Desenvolvimento Regional”, realizado pela Escola Superior de Controle Externo do TCE (Tribunal de Contas do Estado).

Veja Mais
Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Condutor abandona veículo carregado com 800 kg de maconha na BR-163

Realizado em um dos auditórios da Unigran até 16h, o encontro tem como objetivo orientar os municípios sobre sistemas de prestação de contas, Lei de Responsabilidade Fiscal, calendário de obrigações, contas de governo e de gestão.

Prefeito – Ao participar da abertura do encontro, o prefeito de Dourados, Murilo Zauith (PSB), disse que o trabalho conjunto da gestão municipal com órgãos controladores e do Judiciário garante boa aplicação dos recursos públicos.

Segundo ele, a Constituição de 1988 impõe que município, Estado e governo federal têm obrigação de garantir educação e saúde para a população, mas na prática sobra para as prefeituras executarem esses serviços através de convênios e fundos. Entretanto, segundo ele, nem sempre as prefeituras conseguem ter as condições necessárias para cumprir sua parte.

Por isso, conforme o prefeito, é importante o diálogo promovido pelo TCE. “O prefeito tem embasamento, apoio e acompanhamento dos órgãos para aplicar bem o dinheiro público”, afirmou Murilo, ao citar que atualmente os órgãos controladores e do Judiciário não estão só fiscalizando, mas “caminhando juntos e orientando os gestores”.

Evitar punição – A diretora da Escoex (Escola Superior de Controle Externo) do TCE, conselheira Marisa Serrano, disse que a intenção do projeto é habilitar os servidores para evitar que prefeitos e presidentes de Câmaras sejam penalizados por falta de conhecimento. “Nosso papel não é só punir, mas orientar”.

Conforme o presidente do TCE, Waldir Neves Barbosa, fazer gestão no país atualmente é um desafio árduo. Segundo ele, o tribunal faz esforço para facilitar o acesso à informação e a prestação de contas, com atuação preventiva e pedagógica.

Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Em oito dias de atendimentos da Carreta da Justiça em Taquarussu - município localizado a 332 km de Campo Grande -, o projeto do TJ-MS (Tribunal de J...
Sidrolândia comemora aniversário com 'balada cristã' e jogos do Operário
Sidrolândia - cidade localizada a 71 km de Campo Grande - completa no domingo (11) 63 anos de emancipação e vai receber várias atrações para comemora...
Mesmo algemada, mulher usa isqueiro e coloca fogo em viatura policial
Elaine Cristina da Silva de 37 anos foi presa na noite de ontem (8) em Sonora, distante 364 km de Campo Grande, por porte ilegal de arma. Porém, mesm...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions