A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

24/05/2012 18:27

Escrivão que matou jovem chegou a registrar B.O pelo desaparecimento dela

Viviane Oliveira
Delegado mostra a arma utilizada no crime. (Foto: Rodrigo Pazinato)Delegado mostra a arma utilizada no crime. (Foto: Rodrigo Pazinato)

O escrivão da Polícia Civil, Ricardo Barem de Araújo, de 38 anos, que matou Sandy Luana Honório Cardoso, de 22 anos, em Maracaju, chegou a registrar Boletim de Ocorrência do desaparecimento da vítima. A informação foi na tarde de hoje (24) durante coletiva de imprensa na DGPC (Diretoria Geral da Polícia Civil).

Veja Mais
Escrivão de Polícia Civil está preso por morte de jovem em Dourados
Ossada humana é encontrada e suspeita é que seja de jovem desaparecida

De acordo com o delegado responsável pelas investigações, Luis Augusto Milani, da 1º delegacia de Polícia de Dourados, no dia 1º de dezembro o policial lotado na Polícia de Maracaju, e outro amigo, foram até a delegacia registrar boletim de ocorrência de desaparecimento.

Para a Polícia, ele disse que sua amiga, Luana, morava em Dourados e havia desaparecido. A partir daí, afirma o delegado, começou as investigações que apontou o policial, que mantinha um relacionamento extraconjugal com a vítima, como o principal suspeito do desaparecimento.

“Mesmo com todas as evidências, como resultado da perícia no carro de Ricardo, ainda não tínhamos a prova da morte de Luana”, disse.

No dia 20 de abril deste ano, cinco meses depois, trabalhadores encontraram uma ossada humana, uma calcinha e um sutiã “vestia a ossada”, às margens da MS-162.

A ossada foi encontrada no dia 20 de abril próximo a rodovia MS-162 - 13 quilômetros de Maracaju. (Foto: Robertinho do site Maracaju Speed)A ossada foi encontrada no dia 20 de abril próximo a rodovia MS-162 - 13 quilômetros de Maracaju. (Foto: Robertinho do site Maracaju Speed)

Próximo aos ossos também foram encontrados dois projéteis e cápsulas de pistola ponto 40, arma de uso exclusivo da Polícia. No exame de DNA, foi comprovado que a ossada era de Sandy. Também foi feito exame de balística, que indicou que os tiros saíram da arma do escrivão.

Relacionamento - Para a Polícia, Ricardo confessou o crime e disse que não planejou a morte de Sandy. No dia 28 de novembro, por volta da meia-noite, eles estavam namorando nas margens da rodovia, local que ela foi encontrada morta, quando começaram uma discussão. Em determinado momento a vítima caiu e ele aproveitou o momento e disparou três tiros em direção de Sandy.

Segundo ele, há um ano e quatro meses mantinha um relacionamento extraconjugal com a vítima. O delegado relata que segundo as investigações, Luana sabia de coisas que também poderiam comprometer a vida pessoal e profissional de Ricardo.

Ricardo foi indiciado por sequestro, homicídio doloso e ocultação de cadáver. O escrivão está preso em uma das celas da 3ª Delegacia de Polícia Civil.

Ele vai responder, também, a processo administrativo disciplinar que poderá resultar em sua demissão.

Escrivão de Polícia Civil está preso por morte de jovem em Dourados
Ele a matou com tiros da pistola ponto 40 que utilizava em serviçoEscrivão de Polícia Civil de Dourados, município que fica a 233 quilômetros de Cam...
Ossada humana é encontrada e suspeita é que seja de jovem desaparecida
Sandi Luana Honório da Silva, de 22 anos, desapareceu em 27 de novembro do ano passadoTrabalhadores da Agesul (Agência Estadual Gestão e Empreendime...
Homem é esfaqueado e encontrado morto em frente de casa
Almir Caetano Lima, 39, foi encontrado morto com sinais de esfaqueamento na barriga, às 7h deste sábado (3) no bairro Cascatinha II em Sidrolândia, d...



Acrescente-se que com a nova Lei Organica da PC , investigadores e escrivães formam a carreira unificada de AGENTES DE POLICIA JUDICIÁRIA! Portanto, o escrivão é policial civil assim como o investigador e ambos têm porte de arma, são funções diferentes dentro de uma mesma carreira, a de agente de polícia civil. Lamento o ocorrido como todos.
 
sueili Rocha em 25/05/2012 11:01:04
Caro Farid Hassan... não existe "policial administrativo". A lei Orgânica fala em Cargo de AGENTE DE POLÍCIA que subdivide em ESCRIVÃO e INVESTIGADOR. Todos passam por concurso e academia de polícia, tendo a mesma formação tática... creio que você se equivocou pensando que escrivão de polícia é a mesma coisa que escrivão do FORUM. Escrivão é policial civil, com todos os direitos e prerrogativas!
 
Maria Carvalho em 25/05/2012 10:20:23
Senhores Farid Hassan e Alfredo Carvalho,

A Polícia Civil possui em seus quadros o Delegado de Polícia e os Agentes de Polícia Judiciária, os quais são os escrivães e investigadores. Tanto os delegados, quanto investigadores ou escrivães tem como obrigação o porte de arma de fogo.
Todos estes tem porte livre de arma tanto dentro como fora das dependências de uma Delegacia.
 
João Otávio Saldanha em 25/05/2012 10:16:03
Assim como o Sr. Alfredo, o Sr. Farid também está bem por fora hein.....leiam os posts e entendam as prerrogativas da função do escrivanato!! Quando se é leigo em um assunto, o melhor e se interar e após isso colocar a opinião....Policiais Civis de Carreira com direito a porte de arma (Delegado, Escrivão, Investigador e Peritos). Abs
 
José Barros em 25/05/2012 10:10:39
Caro João Ricardo!!! Escrivão é Policial administrativo sim, tem direito a porte de arma sim, desde que dentro da delegacia, se quiser uma arma pra ele tem q ter porte ok caso contrario é uma prerrogativa do delegado para com ele ok. entao nao usando a arma pra fim de serviço ele pode ser enquadrado tambem por porte ilegal de arma por se tratar de uma arma de uso exclusivo da policia ok
 
Farid Hassan em 25/05/2012 09:42:51
queria que tivesse pena de morte nesse pais,para eu poder ir la assistir um desgracado desse ser despachado para o inferno...ou gostaria de viver no velho oeste para resolver esse tipo de coisa que nem homem...
 
alexandre jazbik em 25/05/2012 09:31:59
nossssaaaa veiii
 
polianna lima em 25/05/2012 07:28:22
CORRELIGIONÁRIOS POLÍTICOS DO MS, POLÍTICOS REPRESENTANTES DO ESTADO, SENHOR GOVERNADOR, ESSE CIDADÃO TERÁ QUE PAGAR COMO UM CRIMINOSO COMUM, NÃO PODERÁ TER PRIVILÉGIO NENHUM, TERÁ QUE CUMPRIR NOS RIGORES DA LEI, EXONERADO DO CARGO, POIS NÃO MATOU EM DEFESA DO DIREITO DE DEFESA SOCIAL, E SIM POR FRAQUEZA, E UM FRACO TERÁ QUE SE RECUPERAR, UM FRACO NÃO PODE EXERCER ATIVIDADE SOCIAL, EXPULSÃO URGENT
 
pedro braga em 25/05/2012 04:00:34
sou escrivão de polícia judiciária e posso garantir que recebemos treinamento equiparado aos investigadores de polícia judiciária, participamos de operações e diligências policiais, efetuamos prisões como qualquer outro policial e se houver dúvidas, basta verificar o edital do nosso concurso com as atribuições do cargo.
 
silvio massayuki em 25/05/2012 02:18:59
Senhor Alfredo Carvalho.
Devo lhe informar que o senhor está equivocado, pois, o Escrivão de Polícia, obviamente é também um policial de carreira e com direito a porte de arma sim, assim como o Delegado e o Investigador .Não se trata de servidor administrativo conforme o senhor pensava. Devo lhe informar ainda que o Escrivão autor do crime não irá responder por Porte Ilegal de Arma de Fogo.
 
João Ricardo em 24/05/2012 11:55:31
Escrivão de Polícia é o policial responsável por dar cumprimento às formalidades processuais de Polícia Judiciária. Além de policial, tem fé pública! Quando da conjugação, lembre-se: am indica presente e ão indica futuro. Ex.: Respondam-me.
 
Rodrigo Alberto em 24/05/2012 09:39:35
seu Alfredo Carvalho, o escrivao de policia cometeu um crime e vai responder por isso, quanto a sua pergunta escrivao tem poder de policia sim e tem porte de arma tambem vc esta mal informado.
 
ELVIS DELGADO em 24/05/2012 09:25:20
Escrivao de Policia É policial civil sim senhor! A carreira de Escrivao de Policia está prevista na Lei Organica da Policia Civil como sendo de Policial Civil. Passam por curso de formaçao na Acadepol, nos moldes dos demais cargos, inclusive com aulas de armamento e tiro. Na Carteira de policial do escrivao está autorizado o porte de arma, cedida pelo Estado. Aposentam - se como policial civil.
 
Pedro Pedreira em 24/05/2012 08:56:50
Mas que cara desinformado esse tal de Alfredo, escrivão de policia faz parte da Carreira da Policia Civil, e todo cargo concursado para a Policia Civil tem direito e obrigação de portar arma de fogo. No MS, nao tem concurso administrativo para a Policia Civil. Sr. Alfredo, procure se informar melhor antes de escrever um comentário tão sem noção.
 
Kleber Pigosso em 24/05/2012 07:26:37
Respondão-me uma cosita!!!!
Escrivão não é policial. O que este rapaz faz, armado com uma pistola??
Ate onde eu tenho conhecimento o escrivão executa serviços administrativo e não
tem poder de policia, ( apesar de acharem que o tenhem ), e os delegados normalmente nada dizem em contrario ao verem os mesmos armados.
E agora senhores? Sera que ele vai responder tambem por porte ilegal de arma?
 
alfredo carvalho em 24/05/2012 06:51:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions