A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

29/08/2015 16:47

Estelionatários fazem mais duas vítimas que perdem R$ 1,1 mil e R$ 500

Renata Volpe Haddad

Duas pessoas registraram boletim de ocorrência na manhã de hoje, alegando ter sido vítimas de estelionato. Os casos aconteceram em regiões diferentes, mas que deram prejuízos de até R$ 1.100.

Veja Mais
Força Nacional vai continuar por mais 30 dias em área onde índio foi morto
Apenas 60% dos inscritos no Enem participam da segunda prova em MS

Segundo o boletim de ocorrência, um comerciante de Eldorado, distante 447 km de Campo Grande, relatou que sua funcionária atendeu a ligação do telefone fixo do comércio.

Se identificando como técnico da OI Telecomunicações, e que dava suporte técnico para máquinas de cartão de crédito e de recarga de celular, afirmou que precisava atualizar o sistema.

O homem pediu para que fossem feitas recargas em sete números de celular, todos com DDD 51, sendo cinco recargas nos valores de R$ 100 e duas com valor R$ 300. A recarga foi feita e o suposto técnico, retornou a ligação pedindo para entrar em contato com o dono do comércio, mas a vítima pediu o código do funcionário. O homem desligou o telefone.
O comerciante estima prejuízo de R$ 1,1 mil e que o homem que ligou, sabia todos os dados da vítima.

Outra vítima – Outro caso registrado na Polícia Civil aconteceu em Fátima do Sul, distante 246 km de Campo Grande. Um homem de 47 anos, recebeu uma ligação no seu celular, com número restrito, e foi comunicado que haviam sequestrado a sua filha e o suspeito exigia R$ 5 mil.

Afirmando que não tinha toda a quantia exigida, o suposto sequestrador perguntou quanto a vitima poderia depositar, e ele disse que teria entre R$ 400 e R$ 500. O autor passou o número da agência e conta corrente e a vítima depositou o dinheiro, na conta em nome de Patricia Rodrigues Cruz.

Logo após o depósito, o pai ligou para a filha e percebeu que tinha caído em um golpe.

Trabalhador morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...
Ciclista morre ao ser atingido por vários tiros disparados por dupla em moto
Wellington Ronaldo de Souza, 34, foi morto a tiros ao ser abordado por dois homens que estavam em uma moto. O homicídio aconteceu às 20h30 de domingo...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions