A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

11/02/2014 15:18

Ex-padre acusado de fraude já foi preso por porte de arma e responde 2 processos

Bruno Chaves
Ex-padre e ex-secretário foi preso dirigindo embriagado e com uma pistola (Foto: Reprodução)Ex-padre e ex-secretário foi preso dirigindo embriagado e com uma pistola (Foto: Reprodução)

Acusado de lavagem de dinheiro, fraude à licitação, peculato e posse ilegal de munição de uso permitido, o ex-padre e ex-secretário municipal de Assistência Social, Administração e Saúde de Guia Lopes da Laguna, Edivaldo Pereira Soares, já foi preso por dirigir embriagado e portar arma de fogo sem autorização. Ele também responde a dois processos na Justiça do Estado.

Veja Mais
Polícia conclui que secretário desviou R$ 500 mil de prefeitura
Secretário de Guia Lopes é preso dirigindo embriagado e com arma ilegal

No dia 8 de agosto de 2013, Edivaldo foi preso em flagrante por dirigir embriagado e por portar, ilegalmente, um revólver Taurus calibre 38. Ele dirigia uma VW Saveiro quando ultrapassou, de forma perigosa, uma viatura da Polícia Militar. Ele foi abordado e encaminhado para a delegacia de Jardim.

No TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) tramitam dois processos em que o ex-padre e ex-secretário é réu. No primeiro ele é acusado de invasão de domicílio e no segundo de crime contra o Sistema Nacional de Armas.

O Caso – Edivaldo é acusado pela Polícia Civil de fraudar licitações, desviar R$ 500 mil da Prefeitura de Guia Lopes da Laguna – a 227 quilômetros de Campo Grande – e de enriquecimento ilícito. Segundo o prefeito da cidade, Jácomo Dagostin, tudo não passa de denúncias infundadas de uma oposição fracassada.

“A Justiça irá esclarecer tudo”, opinou. Jácomo ainda contou que o ex-padre deixou a batina em 2008 com um patrimônio de R$ 60 a R$ 70 mil. Quando ele entrou na prefeitura, em 2009, ganhava um salário bruto de R$ 4,5 mil. No segundo mandato, em 2013, o salário do ex-padre saltou para R$ 6,5 mil bruto. “Eu confio nele”, disse.

“Não tem enriquecimento ilícito. Ele já tinha um patrimônio”, defendeu.

Polícia conclui que secretário desviou R$ 500 mil de prefeitura
O “crescimento notório” do secretário municipal de Assistência Social de Guia Lopes da Laguna, a 227 quilômetros da Capital, Edivaldo Soares Pereira,...
Secretário de Guia Lopes é preso dirigindo embriagado e com arma ilegal
Edivaldo Soares Pereira, secretário Municipal de Administração de Guia Lopes da Laguna, cidade distante 227 km de Campo Grande, foi preso em flagrant...
Marido agride mulher com garrafada e se tranca em casa com medo da polícia
Mulher de 42 anos foi agredida pelo marido com uma garrafada no sábado (3), após ser vista conversando com as amigas em sua casa em Dourados, distant...
Domingo é de redação no segundo dia de prova do Enem em Paranaíba
Candidatos do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em Paranaíba, distante 422 quilômetros de Campo Grande, fazem neste domingo (4) as provas de reda...



quando o povo de Guia lopes vai eleger alguem que presta nessa cidade, quando vem uma pessoa decente ninguem qué so qué quem nao presta, guia lopes já acabou e o povo num acordou, o homem certo é o vila mas os ladrão tem medo dele, so pq ele é policia. então sofre povo...
 
joão ignacio em 11/02/2014 20:07:46
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions