A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

08/06/2015 16:38

Ex-presidiário brasileiro é executado na frente do filho em cidade da fronteira

Mariana Rodrigues
Fernando Silva Rodrigues, 52 anos, foi atingido por vários disparos de pistola 9mm. (Foto: Brasiguaio News)Fernando Silva Rodrigues, 52 anos, foi atingido por vários disparos de pistola 9mm. (Foto: Brasiguaio News)

Um morador de Sidrolândia - cidade distante a 71 km de Campo Grande, foi executado nesta segunda-feira (8), próximo ao Palácio da Justiça em Pedro Juan Caballero, Paraguai. A vítima seria um ex-presidiário.

Veja Mais
Brasileiro e casal são executados na fronteira; cinco mortes em 48 horas
Rota do tráfico, fronteira é zona de conflito com 7 mortes em menos de 15 dias

Segundo informações do site Brasiguaio News, Fernando Silva Rodrigues, 52 anos, estava na companhia de seu filho, em uma motocicleta de cor azul pela rua María de Lara, quando foi alcançado por uma caminhonete de cor escura.

De acordo com testemunhas, ao chegar próximo a motocicleta, um homem desceu da caminhonete e efetuou diversos disparos de pistola 9mm. Na fuga os pistoleiros bateram em alguns veículos parados e conseguiram fugir para rumo ignorado.

Onda de mortes - No começo de junho, três pessoas foram mortas a tiros na cidade de Bella Vista Norte, no Paraguai, na divisa com Bela Vista, cidade distante 322 quilômetros de Campo Grande. Entre as vítimas estava o brasileiro Osmar Dauzaker e mais um casal paraguaio.

Segundo o comandante Pedro Sánchez, da 5ª Comisaria, uma caminhonete chegou ao local onde estavam as vítimas e efetuou vários disparos de uma arma 9 mm. O autor fugiu logo em seguida.

Além de Osmar, os paraguaios Antonio Martines e Marciana Gómez foram assassinados. Os autores do disparo ainda não foram identificados.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions