A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

08/04/2013 09:49

Faltando só um documento, inquérito de Rocaro será concluído até fim do mês

Luciana Brazil
Jornalista foi baleado em fevereiro do ano passado. (Foto:Divulgação)Jornalista foi baleado em fevereiro do ano passado. (Foto:Divulgação)

A Polícia Civil de Ponta Porã aguarda apenas um documento para concluir o inquérito sobre a morte do jornalista Paulo Rocaro, segundo o delegado Clemir Vieira. A previsão é que o inquérito seja finalizado até o fim do mês, quando haverá uma coletiva de imprensa para esclarecer o caso.

Veja Mais
Em manifestação, jornalistas cobram punição pela morte de Paulo Rocaro
Após um ano, morte de jornalista Paulo Rocaro será lembrada com manifesto

O processo corre em segredo de Justiça e o delegado responsável pelo caso é Odorico de Ribeiro Mendonça.
Rocaro foi morto no dia 12 de fevereiro do ano passado, em Ponta Porã, a 323 quilômetros de Campo Grande.

Ele foi baleado na quarta-feira de cinzas, por dois homens que estavam em uma motocicleta. No momento da emboscada, Paulo trafegava pela Avenida Brasil, em um Fiat Idea.

O jornalista retornava da casa do ex-prefeito, Vagner Piantoni (PT), de quem era amigo. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu na madrugada do dia seguinte.

Roccaro escrevia para o Jornal da Praça, e era conhecido por produzir matérias investigativas que abordavam temas como política e tráfico de drogas.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions