A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

09/04/2012 14:45

Família diz que universitária morreu vítima de erro médico em hospital de Bonito

Aline dos Santos e Viviane Oliveira
Hospital Darci João Bigaton, onde a jovem morreu no último sábado.(Foto: arquivo/João Garrigó)Hospital Darci João Bigaton, onde a jovem morreu no último sábado.(Foto: arquivo/João Garrigó)

A família de uma universitária de 19 anos, que morreu no último sábado em Bonito, denuncia que a jovem foi vítima de erro médico. Num relato entrecortado por lágrimas, dor e revolta, a avó Zulmira Gottardi, de 60 anos, conta que a Letícia Gottardi Côrrea era alérgica à dipirona, porém, teria recebido duas injeções com o medicamento no hospital Darci João Bigaton.

Veja Mais
Pecuarista é multado em R$ 15 mil por desmatar 14 hectares de fazenda
Com investimento de R$ 650 milhões, cooperativa lança duas unidades em MS

A estudante de Odontologia começou a passar mal na tarde sexta-feira Santa. Na primeira ida ao hospital, a jovem foi medicada com o soro e o médico anotou atrás do prontuário que ela era alérgica à dipirona. “Ela chegou em casa e foi deitar. Graças a Deus, conseguiu dormir”, relata a avó.

Na madrugada de sábado, por volta das 2h, ela acordou com febre e foi levada pela segunda vez ao hospital. “O futuro sogro dela contou para a média da alergia. E a médica respondeu, de forma bruta, que sabia”.

A paciente tomou uma injeção, com medicamento direto na veia. Em seguida foi liberada, mesmo com o alerta do noivo da jovem, questionando se não era melhor que a paciente ficasse em observação.

De volta a casa, Letícia começou a se sentir sufocada. A família retornou ao posto, onde tomou uma segunda injeção e a paciente foi liberada. “Ela chegou em casa e deitou de bruço na cama. Vi que as costas começaram a inchar, tinha espuma na pele dela. Me desesperei. Fomos para o hospital.

O médico também se desesperou. Por volta das 8h, ela morreu”, relata a avó. Durante o tempo em que a jovem passou mal, foram coletadas amostras de sangue e urina. “O exame mostra que foi derrame causado por medicamento”, afirma.

Inconsolável, a família pede Justiça. “Era uma menina", finaliza a avó Zulmira.

O prefeito de Bonito, José Arthur Figueiredo, informou, via assessoria de imprensa, que se reuniu com oito dos nove vereadores do município para discutir questões relacionadas aos serviços que são prestados na área da saúde em Bonito.

Um dos membros da Junta Interventora responsável pela administração do hospital Darci João Bigaton, Silvio Roberto Rocca, disse que já tomou todas as medidas para apurar o caso.

Ele informou ainda que o hospital em acordo com a família da paciente, solicitou o registro da ocorrência e a realização de autopsia no intuito de apurar se houve ou não de fato negligência neste caso.




QUEREMOS JUSTIÇA!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 
Rodrigo mayer em 12/04/2012 07:25:39
sera que dessa vez a justiça ficara so por conta de 'DEUS "!!!!!!uma vergonha!!!!
 
Paulo Gomes Da Silva em 11/04/2012 09:00:39
o mal profissional esta em todos lugares , nos particular também existem esses tipo de médico , principalmente de madrugada quando acordam eles pra atender paciente, mais isso acaba em pizza cai no esquecimento e acaba sendo so mais um fato!
 
ivone vicente em 11/04/2012 01:13:38
peso justiça tenho dois filhos pequenos e não quero passar por ice absurdo.....
 
EDIANY SANTOS em 10/04/2012 11:18:55
Infelizmente, não é só em Bonito que tem acontecido erros cometidos por profissionais da área da saude, em Campo Grande isto é frequente.
 
Luciana Oliveria em 10/04/2012 10:07:00
estive em Bonito final do ano, precisei de serviço medico neste Hospital pra minha filha, fui muito mal recebida pelo médico, ele nem examinou ela e ainda perguntou pq não fui no posto de saúde. Tratam muito mal a população aí em Bonito hein...
 
camila gonçalves em 10/04/2012 10:04:41
Mais uma vez Bonito/MS nas páginas sociais, agora não foi para receber prêmios onde os engravatados se vangloriam,mas, para ser mutilado pela imcapacidade administrativa, não e somente essa médica a culpada pela morte da Leticia e sim esses administradores que se omitem em enfrentar os problemas de atendimento desse hospital, quantos mais precisam morrer.
 
João Pedro em 10/04/2012 08:12:23
Esse é apenas um dos tantos casos acontecidos no hospital de Bonito. Muitas pessoas ja quase chegaram a óbito, mas não foi noticiado e infelizmente não esperava ter que ler a noticia sobre a Leticia, uma menina meiga e amada por todos, com um futuro brilhante a seguir, estava noiva. É inaceitavel, a saúde em bonito é ridicula, só quem vive aqui e ja precisou sabe bem disso.
 
Tamires Goulart em 10/04/2012 04:56:04
Os médicos dos postos de saúde parecem que estão fazendo favor em atender, mas esquecem que o dinheiro que eles recebem vem dos contribuintes. Ser médico é uma profissão que ele escolheu e ele recebe por isso, tem que bem feita igual a qualquer outra profissão.
 
Cida Barros em 10/04/2012 03:32:57
falta muito respeito pelo cidadao bonitense, que trabalha dia a dia , que cuida de sua familia , que quando precisa dos orgaos publicos sao maltratados e muito mau atendidos. este caso a população esta revoltada, mais sera que foi o primeiro? .
 
isaque s vareiro em 10/04/2012 02:07:12
concordo com vc daianni eles acham q tao ali fazendo favor esquecem q ganham salario se nao quer trabalhar honestamente , da vaga pra outros ,,deveriam ser feito intrevista com pessoas q vao trabalhar na area da saude passar por psicologos pra ver se realmente ele sao aptos trabalhar com ser humano,,, justica tem agir chega de impnidade,, chega brasil ate qdo ,,, ve ai exemplo caso mariely exemplo
 
rosilene leonel em 09/04/2012 09:46:40
Infelismente já não se fazem médicos como antigamente....
Eles vão a faculdade não prestam atenção em nada, muitos até meio na nóia como aprender???
olhe futuros médicos!! cuidar da vida é uma grande responsabilidade!!!!
 
Vanusa Martins Ribeiro em 09/04/2012 09:28:22
Absurdo, infelizmente mais uma vítima por erro médico....
Acordam Doutores plantonistas mal preparados, ouçam seus pacientes que vocês tem uma grande chance de não errar, neste caso uma univesitária do curso de Odomntologia......., minha filha também tem alergia a diversos medicamentos,inclusive dipirona, nós sabemos o quanto é difícil administrar, minha esposa fica ligada 24 horas.
 
CELSO RUI CORTE em 09/04/2012 09:08:58
Casos de alergia a medicamentos são preocupantes. E os médicos não devem esquecer de perguntar se existe alergia, porque muitas das vezes, a família chega tão preocupada com o estado de saúde que esquece de falar se o médico não perguntar. E, se a família não sabe se existe alergia, esse paciente deve ficar em observação. Escrever de forma legível no prontuário e médicos mais humanizados.
 
Dalva R. Santos em 09/04/2012 08:58:49
..tem certas coisas que devemos fazer uma vez..ir a Bonito é uma delas !! Gostaria de saber o quanto é arrecadado pela prefeitura com os preços abusivos pelos passeios e restaurantes e em que é aplicado na cidade....sem contar, lógico, que a infra-estrutura para atendimento em casos de emergência, é inexistente.
 
Sergio Correa em 09/04/2012 08:02:53
J U S T I Ç A

 
michael william dos santos oliveira em 09/04/2012 07:36:00
É que até hoje não morreu nenhum turista, lamentávelmente acho que somente vai melhorar quando isso acontecer,eles não se importam com população,só se importam com o dinheiro que o turismo gera.
 
Magno Marques dos Reis em 09/04/2012 07:21:40
Infelizmente essa não é a primeira vez que uma tragédia como essa acontece aqui em Bonito! O atendimento na rede pública de saúde de nossa cidade é VERGONHOSO... tanto médicos como funcionários tratam os pacientes desde o mais novo até os mais idosos como cachorros. Até meu cachorro vira lata é melhor tratado no vetrinário do que os pacientes que precisam de atendimento nessa cidade!!
 
Gelliane Goulart em 09/04/2012 07:13:54
o município de Bonito foi eleito o melhor destino de ecoturismo por oito anos consecutivos e recebe turista vindos de todos os lugares do Brasil e do mundo, porém, não tem hospital e nem médicos especialistas. Jardim e Guia Lopes que ficam a 60km de Bonito tem hospital mas não tem médicos. A região sudoeste do estado precisa urgente de um hospital com equipe médica para atender os municípios.
 
Taylor Mello em 09/04/2012 06:12:31
Leticia uma menina linda,adoravel,amiga uma pessoa com o futuro maravilhoso,esperamos que seja feita Justiça,ai me pergunto será que esse medico quer dizer essa pessoa sem sentimento esta qualificado para cuidar de paciente são pagos para atender pessoas e não se preocupam em salvar vidas e matam por neglicência por acharem que estão fazendo um favor se na realidade estão ai por serem pagos...
 
Daiani Figueiredo em 09/04/2012 04:05:03
como sempre, medico se acha Deus, sempre certos, precisou vir a óbito uma "menina" pra entao entender que ela tem alergia a dipirona. Que indignaçao, sendo que nao é raridade se ouvir falar que uma pessoa tem alergia a dipirona. E agora doutora sabe td. afinal o que a paciente tinha? deixa que a populaçao responde: E virose.
 
aline pereira em 09/04/2012 03:57:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions