A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

04/10/2015 11:01

Fiéis estão em choque com morte de pastor e filhos em acidente trágico

A suspeita é de que o motorista do outro carro, que invadiu a pista contrária e causou o acidente, estava embriagado

Luana Rodrigues
Gabriela, Lucas, Helen e o pastor Wanderson em culto na igreja da Graça. (Foto: Reprodução/ Facebook)Gabriela, Lucas, Helen e o pastor Wanderson em culto na igreja da Graça. (Foto: Reprodução/ Facebook)

Fiéis da igreja Internacional da Graça de Deus, em Três Lagoas, não se conformam com a morte do pastor Wanderson Duarte, de 31 anos, e os filhos Lucas e Gabriela de 12 e 8 anos, em uma colisão envolvendo dois veículos, que matou cinco pessoas e deixou outras duas feridas.

Veja Mais
Carros explodem, cinco pessoas morrem e 2 ficam feridas na BR-262
Reestruturação em presídio contará com sala de "videoaudiências"

No perfil do Facebook do pastor, fiéis e amigos lamentam a morte dele das crianças: "Verdadeiro homem de Deus, agora está ao lado de Jesus. Que Deus conforte o coração da família.", comentou uma internauta.

Eduardo Silva, membro da igreja, conta que Wanderson estava em Três Lagoas há cerca de dois anos, antes disso vivia em Campo Grande. "Cada pastor trabalha de uma forma, mas com ele aprendemos a tomar posse das bençãos, providências e desígnios de Deus. Temos certeza de que ele e as crianças estão amparados", disse Eduardo.

Bêbado - O acidente ocorreu na noite de ontem (3), no quilômetro 281 da BR-262, entre Ribas do Rio Pardo e Água Clara - distante cerca de 170 quilômetros de Campo Grande. A suspeita é de que o motorista do outro carro, que invadiu a pista contrária e causou o acidente, estava embriagado.

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), o condutor do Fiat Palio, Roberto Benites, estava com cheiro forte de álcool e uma lata de cerveja foi encontrada dentro do veículo. "As evidências apontam que o acidente foi causado por embriaguez ao volante do condutor do Fiat Palio, que invadiu a mão contrária de direção, vindo a colidir com RenaultSandero", informou a polícia por meio de nota.

Após a colisão, os carros explodiram e três pessoas foram carbonizadas, entre elas Wanderson, outra pastora identificada como Jocelise Pereira e a mulher que estava no outro carro, esposa de Roberto. 

Duas pessoas estão no hospital. Hellen Rolon de Sousa Duarte, esposa do pastor, conduzia o veículo da família. Ela foi socorrida em estado grave e está na Santa Casa. O condutor do Palio também está no hospital.

Dados - Somente em 2015 a PRF já aplicou 61 mil testes de etilômetro nos condutores, tendo flagrado, 1223 pessoa embriagadas nas Rodovias Federais do MS.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions