A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

24/02/2014 13:11

Filho de ex-policial brasileiro é executado com 12 tiros na fronteira

Luciana Brazil

Um brasileiro de 34 anos, filho de um ex-policial, foi executado na manhã de hoje (24), dentro de uma borracharia na área central de Pedro Juan Caballero. José Bento da Silva, conhecido como “Gauchinho”, levou 12 tiros e morreu no local.

Veja Mais
Duas pessoas ficam feridas após veículo capotar em estrada vicinal
Traficante solta algemas e tenta fugir após ser apreendido com 115 kg de maconha

A vítima estava em uma borracharia, na Avenida Doutor Francia, quando dois homens em uma motocicleta chegaram ao local, e um deles começou a disparar. O estabelecimento fica a poucos metros da linha divisória com o Brasil.

Segundo o site Dourados News, a arma usada no crime foi uma pistola 9 milímetros.

O crime atraiu curiosos, e o tumulto acabou congestionando o trânsito. A polícia paraguaia ainda investiga o caso e, até o momento, não há informações sobre os motivos para o crime.




As familias que me desculpem, mas o pessoal que tá morrendo no Paraguai tá envolvido em coisa errada, realmente, me desculpem, mas dificilmente uma pessoa morre de graça, salvo em casos de acidente, quando é execução é porque tem alguma mutreta na historia, na semana passada o "empresario" que foi morto na frente da escola do filho, olha o perfil, 30 anos, é brasileiro e empresario, mas mora do lado do paraguai, em uma Range Rover, que custa mais de 120 mil reais e com placa de Osasco? Me desculpem, eu conheço o Paraguai e conheço Osasco, sei que são lugares perigosos devido ao tanto de gente que age fora da lei, isso aí é consequencia de coisa errada.
 
maximiliano rodrigo antonio nahas em 24/02/2014 16:30:54
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions