A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

19/05/2011 08:16

Fronteira com Bolívia vai continuar fechada, diz consulado

Paula Vitorino

Manifestantes decidem continuar com interdição por tempo indeterminado

Fronteira vai continuar fechada. (Foto: Diário Online)Fronteira vai continuar fechada. (Foto: Diário Online)

Manifestantes do “Paro Cívico” decidiram não reabrir a fronteira nesta quinta-feira (19) e prorrogar a interdição por tempo indeterminado. A decisão foi tomada durante reunião na noite de ontem entre o Consulado Boliviano, com sede em Corumbá.

"Resolvemos continuar com o Paro Cívico, mas desta vez, por tempo indeterminado. Nesta madrugada, seguiremos entrando em contato com representantes de nosso governo boliviano, para que venham até a fronteira nos dar um apoio na manifestação e interar nossa intervenção junto às autoridades brasileiras, para que nosso apelo à normativa brasileira RFB nº 1.059, da Portaria MF 440, possa ser revista de acordo com as necessidades de nossa fronteira”, disse ao Diário Online o cônsul da Bolívia em Corumbá, Juan Carlos Mérida Romero.

Ainda de acordo com o cônsul, a Receita Federal de Corumbá irá levar a interpretação da normativa até Brasília e os manifestantes seguem aguardando a resposta do Brasil.

Os manifestantes tomaram conta das ruas da Província de Germán Busch, na noite desta quarta, apoiando a resolução do Paro. De acordo com informações do próprio Consulado, toda a fronteira já está sentindo os efeitos da interdição, pois além de muitos carros e caminhões formarem longa fila de ambos os lados, esperando pela travessia, alguns pontos da Bolívia já estão sem comida e combustível.

"Sabemos que foi uma decisão radical tomada por nós bolivianos de fechar a fronteira, sendo que a Bolívia depende do Brasil para o abastecimento de quase todas as áreas, principalmente a alimentícia. Sabemos também que há negócios milionários parados na beira da estrada aguardando para cruzarem a fronteira, logo, quanto mais rápido tudo isso acabar, melhor será para ambos os países", frisou o cônsul.

Portaria - No dia 03 de agosto de 2010, a Receita Federal publicou no Diário Oficial da União a Instrução Normativa RFB nº 1.059, da Portaria MF 440, que facilitava a entrada de objetos de uso pessoal nas alfândegas a partir de 1º de outubro, além de acabar com a obrigatoriedade do preenchimento da declaração de saída temporária de bens importados do País, como notebooks e câmeras fotográficas.

Segundo a alteração da normativa, os bens trazidos na bagagem para uso pessoal não são mais contabilizados na cota limite do viajante para não precisar pagar impostos, equivalente a US$ 500 (por via aérea) ou US$ 300 (por via terrestre). Itens como roupas, sapatos, relógios, produtos de beleza e de higiene não são contabilizados nesse limite.

Outros bens que não são para uso pessoal, além de serem contabilizados na cota limite de valor, não poderão exceder a quantidade de três unidades idênticas. O Fisco também estabeleceu limites quantitativos para a entrada no País com bebidas alcoólicas (12 litros), cigarros (10 maços com 20 unidades), charutos e cigarrilhas (25 unidades) e fumo (250 gramas).

Além disso, a medida permite ao turista vindo do exterior desembarcar nos aeroportos do País sem utilizar a cota com até 20 unidades de produtos baratos, que custem até US$ 10 (por via aérea) ou US$ 5 (por via terrestre), desde que mais da metade desses produtos não sejam idênticos.

(Com informações do site Diário Online)

Dois homens são presos por suspeita de estupro de adolescentes
Dois homens foram presos por estupro de vulnerável em Laguna Carapã, 287 km de Campo Grande. Eles têm 28 e 24 anos e teriam tido relação sexual com a...
Dupla armada invade madeireira e rouba dinheiro do pagamento de funcionários
Dois homens armados invadiram uma madeireira e roubaram R$ 15 mil por volta das 15h30 de ontem (9) no Distrito Industrial de Dourados - distante 233 ...
Homem tem carro roubado por assaltantes armados na MS- 289
Assaltantes armados renderam o condutor de um veículo modelo Vectra e roubaram o carro por volta das 23h desta sexta-feira (9) na MS-289, em Amambai ...



AS AUTORIDADES BRASILEIRAS NAO DEVE SEDER PARA ESSES BOLIVIANOS....POIS NO CASO DA EBX E DA PETROBRAS ELES ENXOTARAM ESTAS EMPRESAS DE LA COMO UM CAO SARNENTO!!
 
EMILIO MARCOS em 19/05/2011 09:59:51
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions