A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

17/03/2015 12:25

Fronteira preocupa e Reinaldo quer comitê integrado com Exército

Governador participou hoje em Dourados da apresentação do blindado Guarani, novo carro de combate do Exército

Helio de Freitas, de Dourados
Reinaldo Azambuja chega à 4ª Brigada do Exército em Dourados para conhecer novo blindado Guarani (Foto: Eliel Oliveira)Reinaldo Azambuja chega à 4ª Brigada do Exército em Dourados para conhecer novo blindado Guarani (Foto: Eliel Oliveira)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou hoje que as fronteiras de Mato Grosso do Sul com o Paraguai são uma preocupação a mais para a segurança pública de seu governo. Ao participar em Dourados, a 233 km de Campo Grande, do lançamento do novo carro de combate do Exército, o “blindado Guarani”, ele disse que já iniciou conversa com os militares para um trabalho conjunto nas fronteiras.

Veja Mais
Secretaria de Segurança e Exército discutem operacionalização do Sisfron
Orçado em R$ 12 bi, Sisfron é apresentado pelo CMO à equipe de segurança de MS

O objetivo principal é usar a estrutura do Sisfron (Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras), cujo projeto-piloto é desenvolvido pela 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada desde novembro do ano passado.

“Precisamos integrar nossas polícias com o Sisfron e usar toda a inteligência disponível para monitoramento da fronteira. Ainda está em fase de estudo e implantação, mas quando o sistema estiver pronto com certeza dará uma segurança maior para toda essa área, que só no Mato Grosso do Sul tem 1.750 km. A fronteira nos preocupa muito. Grande parte da droga e das armas que entram no país vem pela fronteira de Mato Grosso do Sul, afirmou Reinaldo.

Segundo ele, essa parceria já vem sendo discutida entre o secretário estadual de Segurança Pública, Sílvio Cesar Maluf, e o general Juarez Aparecido de Paula Cunha, comandante do CMO (Comando Militar do Oeste). Ainda na 4ª Brigada em Dourados, Reinaldo conheceu parte dos equipamentos e a tecnologia do Sisfron, montados em um estande, no 28º Blog (Batalhão Logístico). Foi a primeira visita dele ao quartel do Exército em Dourados como governador.

Reinaldo chegou a Dourados em um helicóptero do Exército, na companhia do general Juarez Cunha. O governador foi à cidade sozinho e pousou direto no pátio da 4ª Brigada.

Comitê de segurança – O governador defendeu a formação de um comitê integrado com a participação do Exército, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Feral e polícias estaduais, para troca de informação e experiência no combate ao crime. “O volume de apreensões feitas neste ano na fronteira já é muito maior que no ano anterior, mas ainda precisamos de um esforço maior. Aumentando efetivo, aumentando equipamentos e condições de trabalho para nossas forças de segurança, vamos ampliar essas ações, inclusive nas cidades, com maior número de policiais nas ruas”.

Reinaldo Azambuja voltou a afirmar que espera resultados positivos no combate ao crime com a formatura de 890 novos policiais militares, que no final de maio deste ano devem começar a trabalhar. “Já autorizamos a chamada dos remanescentes desse mesmo concurso para que iniciem a academia. Também já autorizamos a reforma e recuperação de 264 viaturas que estavam estragadas nos pátios, para que voltem à ativa para atender as forças de segurança”, declarou.

Blindado Guarani – Em Dourados, o governador, ao lado do general Juarez Aparecido de Paula Cunha e do prefeito Murilo Zauith (PSB), conheceu os três primeiros blindados Guarani, fabricados pela Iveco do Brasil. A brigada de Dourados vai receber oito carros de combate, para o projeto-piloto desse novo veículo em Mato Grosso do Sul.

Desenvolvido para substituir o antigo “Urutu”, em uso há pelo menos 40 anos, o blindado Guarani é comparado às mais modernas viaturas de combate existentes no mundo. Dotado de alta tecnologia, tem proteção para munição perfurante incendiária e minas anticarro, aviso de detecção por laser, capacidade de navegação por GPS, torre automática com canhão de 30 milímetros e visão noturna.

Com capacidade para 11 pessoas, o Guarani fabricado em Sete Lagoas (MG) começou a ser entregue ao Exército em março do ano passado, em Cascavel (PR), que recebeu o primeiro lote, de 13 veículos.

Três dos oito blindados que serão entregues para a 4ª Brigada de Dourados foram apresentados hoje (Foto: Eliel Oliveira)Três dos oito blindados que serão entregues para a 4ª Brigada de Dourados foram apresentados hoje (Foto: Eliel Oliveira)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions