A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

13/02/2015 07:57

Fugitivo de SP é preso após liderar roubo de joias avaliadas em R$ 100 mil

Helio de Freitas, de Dourados
A quadrilha presa pela Defron por assaltar uma gráfica em Dourados; sétimo detido era fugitivo, mas não participou do roubo (Foto: Sidney Bronka/94 FM)A quadrilha presa pela Defron por assaltar uma gráfica em Dourados; sétimo detido era fugitivo, mas não participou do roubo (Foto: Sidney Bronka/94 FM)

Seis homens foram presos entre quarta e quinta-feira desta semana acusados de uma série de roubos ocorridos nos últimos meses em Dourados, a 233 km de Campo Grande. As prisões foram feitas por policiais da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira). A quadrilha era especializada em roubo de joias.

Veja Mais
Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Condutor abandona veículo carregado com 800 kg de maconha na BR-163

Conforme a Defron, as investigações sobre os vários assaltos a residências ocorridos na cidade começaram em janeiro deste ano e logo os policiais chegaram ao nome de Eduardo Rodrigues de Souza, 40, o “Branco”, apontado como um dos “cabeças” do bando, que passou a ser monitorado pela polícia.

Sem desconfiar que estava sendo vigiado, Branco teria participado, no dia 2 deste mês, de um assalto a uma gráfica no Jardim Caramuru. Pelo menos R$ 100 mil em joias pertencentes ao dono do estabelecimento comercial foram levados pelos assaltantes.

Ontem à tarde os policiais chegaram a Eduardo de Souza, que entregou os outros integrantes do bando, que era liderado por Ageu de Souza Torres, 46, o “Negrete”. Foragido de presídios do Estado de São Paulo, onde tem passagens por assalto a banco, Ageu faz parte de facções criminosas que agem nos presídios de todo o país.

Com o chefe da quadrilha os policiais encontraram uma pistola calibre 40, roubada da residência de um policial militar de Mato Grosso do Sul, cuja identidade não foi revelada.

Também acusados de participação nos roubos foram presos Rodrigo Maldonado Guimarães Brito, 21, o “Boy”, Laércio Junji Hyama, 51, o “Japonês”, Paulo Henrique Perigo, 24, o “Gordinho”, e Bruno Avelino Marinho, 25.

Na casa de Bruno os policiais encontraram Thiago Ferreira de Almeida, 26, foragido da justiça de Dourados, que no momento da prisão apresentou documentos falsos à polícia. Ele não teria participação nos assaltos. Conforme a Defron, os policiais apreenderam R$ 24mil com Bruno Marinho, que estava também com um revólver calibre 32 e parte das joias roubadas da gráfica.

A investigação revelou que “Branco” e “Negrete” organizaram o assalto à gráfica. Rodrigo Brito era o motorista da quadrilha e tinha como missão dar cobertura aos comparsas. Laércio Hyama conhecia o local escolhido para o roubo e passou informações para os assaltantes. Paulo e Henrique ficaram responsáveis de vender as joias roubadas.

Os seis envolvidos no assalto foram autuados por roubo, formação de quadrilha, porte ilegal de arma, receptação e uso de documentos falsos. Todos já foram levados para a penitenciária de segurança máxima da cidade. Com o bando a polícia apreendeu um Gol verde e um Golf preto utilizados no assalto, máquinas fotográficas e celulares.

Armas, dinheiro, joias e celulares apreendidos com a quadrilha (Foto: Sidney Bronka/94 FM)Armas, dinheiro, joias e celulares apreendidos com a quadrilha (Foto: Sidney Bronka/94 FM)
Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Em oito dias de atendimentos da Carreta da Justiça em Taquarussu - município localizado a 332 km de Campo Grande -, o projeto do TJ-MS (Tribunal de J...
Sidrolândia comemora aniversário com 'balada cristã' e jogos do Operário
Sidrolândia - cidade localizada a 71 km de Campo Grande - completa no domingo (11) 63 anos de emancipação e vai receber várias atrações para comemora...
Mesmo algemada, mulher usa isqueiro e coloca fogo em viatura policial
Elaine Cristina da Silva de 37 anos foi presa na noite de ontem (8) em Sonora, distante 364 km de Campo Grande, por porte ilegal de arma. Porém, mesm...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions