A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

14/03/2014 22:45

Funcionários do Hospital da Vida não recebem e pretendem realizar greve

Alan Diógenes

Funcionários da área de enfermagem do Hospital da Vida, em Dourados, a 196 quilômetros de Campo Grande, anunciaram que podem realizar uma greve na segunda-feira (17). O motivo é o atraso dos salários do mês de fevereiro, que venceu no dia 10 de março.

Veja Mais
Policiais civis sinalizam greve e reivindicam melhores condições de trabalho
Trabalhadores do Frigorífico Marfrig entram em greve em Porto Murtinho

De acordo com a presidência do Siems (Sindicato dos Trabalhadores na Área de Enfermagem), no dia haverá um assembleia geral extraordinária com todos os trabalhadores, nos períodos matutino, vespertino e noturno. “Se o pagamento não estiver na conta na segunda-feira, os trabalhadores cruzarão os braços”, destacou o presidente Lazaro.

O presidente ressalta que há meses os trabalhadores sofrem com a conduta desrespeitosa do hospital. “É um verdadeiro descaso com os profissionais, em janeiro já havíamos realizado manifestação pelo fim dos atrasos que tanto prejudicam os trabalhadores, mas ainda hoje nos deparamos com a mesma situação. Muitos profissionais são chefes de família e não tem condições de realizar a compra mensal de alimentos e outros reclamam que têm que arcar com os juros das contas atrasadas”, salientou.

Em nota de resposta à cobrança do sindicato, o Hospital Evangélico Dr. E Sra. Goldsby King, que administra o Hospital da Vida, mais uma vez passou a responsabilidade para a prefeitura de Dourados. A entidade Informou que o atraso ocorre porque o empregador não tem recurso disponível para efetuar o pagamento, já que a verba advém do Ministério da Saúde, por meio do FNS (Fundo Nacional de Saúde) que atrasou o repasse.

Policiais civis sinalizam greve e reivindicam melhores condições de trabalho
Os policiais civis de Mato Grosso do Sul ameaçam greve a partir do mês de abril deste ano, caso não tenham avanço nas negociações com o governador do...
Com impasse salarial, vigilantes fazem mobilização por greve
Em busca de reajuste de 9%, os vigilantes devem cruzar os braços amanhã, das 7h às 12h, para participarem de mobilização na Barão do Rio Branco, em C...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions