A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

07/10/2015 16:16

Funcionários dos Correios param por 24 horas em protesto contra assédio moral

Helio de Freitas, de Dourados
Funcionários dos Correios em Ponta Porã fazem paralisação de 24 horas nesta quarta (Foto: Divulgação)Funcionários dos Correios em Ponta Porã fazem paralisação de 24 horas nesta quarta (Foto: Divulgação)

Funcionários do Centro de Distribuição Domiciliária dos Correios em Ponta Porã, cidade a 323 km de Campo Grande, fazem nesta quarta-feira (7) uma paralisação de 24 horas em protesto contra assédio moral e por melhores condições de trabalho.

Veja Mais
Vereador é internado após AVC e boatos de morte causam confusão
Dupla é presa e confessa ter matado homem a pedradas e garrafadas

De acordo com Sintect-MS (Sindicato dos Trabalhadores nos Correios de Mato Grosso do Sul), os servidores reclamam da sobrecarga de trabalho, efetivo de funcionários insuficiente e forma de tratamento abusiva.

Elaine Oliveira, presidente do Sintect-MS, afirmou, em nota distribuída pela assessoria, que a paralisação se deve à intransigência da chefia local em negociar as demandas dos funcionários de Ponta Porã por melhores condições de trabalho e pedem mudança na forma de tratamento.

“Os carteiros estão revoltados com a forma como são tratados e o sindicato já acionou a assessoria jurídica para elaborar a ação judicial por assédio moral”, afirma Elaine. Segundo ela, a paralisação será de 24 horas, “Infelizmente, a situação chegou num ponto insuportável para os trabalhadores”.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions